Escolha as suas informações

Família luxemburguesa com três crianças já saiu de Cabul e está a caminho do Grão-Ducado
Mundo 2 min. 24.08.2021
Repatriamento

Família luxemburguesa com três crianças já saiu de Cabul e está a caminho do Grão-Ducado

Foto de ilustração
Repatriamento

Família luxemburguesa com três crianças já saiu de Cabul e está a caminho do Grão-Ducado

Foto de ilustração
AFP
Mundo 2 min. 24.08.2021
Repatriamento

Família luxemburguesa com três crianças já saiu de Cabul e está a caminho do Grão-Ducado

Redação
Redação
Finalmente, esta família e outros quatros cidadãos com ligações ao Luxemburgo deixaram já o Afeganistão, num voo com destino a Abu Dhabi, informou o ministro Asselborn não adiantando quando chegarão a solo luxemburguês.

O grupo de oito cidadãos com ligações ao Luxemburgo que estava retidos em Cabul, há uma semana, sem conseguir chegar ao aeroporto para ser repatriado já respira de alívio. 

Segundo informou o ministro dos Negócios Estrangeiros ao Luxemburger Wort, a família com três crianças e os outros três cidadãos encontram-se já a bordo de um avião com destino a Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos, depois desta manhã terem conseguido entrar no aeroporto em Cabul.

Jean Asselborn não adiantou, contudo, quando o grupo irá aterrar na capital dos Emirados, nem quando dali embarcará então noutro voo com destino ao Luxemburgo. 


Oito cidadãos com ligações ao Luxemburgo em segurança no aeroporto de Cabul
Os oito cidadãos vão “embarcar o mais rapidamente possível num dos voos europeus” com o objetivo de regressar o quanto antes ao Luxemburgo, assegura Asselborn.

O governante recordou mais uma vez que o repatriamento está a decorrer em condições muito difíceis, porque o Grão-Ducado não está presente no Afeganistão e todas as negociações têm de ser realizadas através das representações dos países vizinhos.

Por isso, após muitos contactos, só na noite de segunda-feira para terça-feira a “família com três crianças e três homens" entraram por fim no aeroporto internacional de Cabul, "graças à assistência da Bélgica e dos Países Baixos", uma assistência "eficaz e generosa", assim definiu o ministro no comunicado enviado esta manhã às redações.

 Os oito cidadãos vão “embarcar o mais rapidamente possível num dos voos europeus” com o objetivo de regressar o quanto antes ao Luxemburgo, assegurou Jean Asselborn.  E de facto, apesar de algum atraso "devido a controlos administrativos" o grupo deixou o aeroporto da capital do Afeganistão que está a ferro e fogo.

1º Destino: Abu Dhabi

Neste momento, não há informações sobre quando nem qual o voo em que o grupo irá embarcar depois de chegar a Abu Dhabi, nem qual o seu destino. Mas estão já mais perto de regressar a casa, e sobretudo, deixaram já a capital do Afeganistão, tomada desde dia 15 de agosto, pelos talibãs e instalando o pânico no país.


Cabul. Uma família luxemburguesa com três crianças e mais quatro pessoas pedem ajuda para voltar para o Grão-Ducado
Sábado de manhã, os nove residentes do Luxemburgo, ainda não tinham conseguido serem repatriados de Cabul. Um deles falou com a RTL e contou o desespero vivido. O ministro vinca estar a fazer tudo para os tirar de lá.

Em declarações à RTL, na sexta-feira, um das pessoas do grupo com passaporte luxemburguês assumia ao telefone, a partir de Cabul, o medo que ele e todos tinham de tentar chegar ao aeroporto, onde milhares de pessoas se concentravam nos acessos já controlados pelos talibãs que não os deixavam passar. Uma semana e um dia depois, as oito pessoas já estão a salvo e longe do Afeganistão.


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas