Escolha as suas informações

Dinamarca. Casos da variante Omicron disparam para 183, em dois dias
Mundo 05.12.2021 Do nosso arquivo online
Pandemia

Dinamarca. Casos da variante Omicron disparam para 183, em dois dias

Pandemia

Dinamarca. Casos da variante Omicron disparam para 183, em dois dias

Mundo 05.12.2021 Do nosso arquivo online
Pandemia

Dinamarca. Casos da variante Omicron disparam para 183, em dois dias

Lusa
Lusa
Na sexta-feira, a Dinamarca tinha apenas 18 casos confirmados e 42 casos suspeitos. Neste domingo, tem quase duas centenas. Autoridades consideram evolução "preocupante".

O número de casos confirmados na Dinamarca da nova variante Ómicron do vírus responsável pela covid-19 disparou hoje para 183, segundo as autoridades de saúde, que consideram esta evolução como “preocupante”.

No último balanço, na passada sexta-feira, a Dinamarca tinha apenas 18 casos confirmados e 42 casos suspeitos, de acordo com dados do instituto público SSI.

O país nórdico é um dos mais avançados em termos de sequenciação da Europa, o que lhe permite detetar mais casos e com maior rapidez.


Reino Unido exige teste PCR negativo no embarque, a partir de dia 7
A nova medida anunciada ontem pelo Governo visa travar a propagação da variante Omicron, já responsável por 160 infeções no país.

A covid-19 provocou pelo menos 5.249.851 mortes em todo o mundo, entre mais de 264,78 milhões infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 18.537 pessoas e foram contabilizados 1.166.787 casos de infeção, segundo dados da Direção-Geral da Saúde.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em vários países.

Uma nova variante, a Ómicron, classificada como “preocupante” pela Organização Mundial da Saúde (OMS), foi detetada na África Austral, mas desde que as autoridades sanitárias sul-africanas deram o alerta, a 24 de novembro, foram notificadas infeções em cerca de 30 países de todos os continentes, incluindo Portugal.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas