Escolha as suas informações

Covid-19. Mais de mil pessoas infetadas em Itália
Mundo 4 29.02.2020 Do nosso arquivo online

Covid-19. Mais de mil pessoas infetadas em Itália

Covid-19. Mais de mil pessoas infetadas em Itália

Claudio Furlan/LaPresse via ZUMA
Mundo 4 29.02.2020 Do nosso arquivo online

Covid-19. Mais de mil pessoas infetadas em Itália

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
Neste país, as vítimas mortais subiram para 29. Alemanha e França são os outros países europeus com mais doentes com o novo coronavírus.

O número de pessoas infetadas em Itália com o Covid-19 subiu para 1.128, enquanto o total de vítimas mortais aumentou para 29, revelaram hoje as autoridades italianas.

De acordo com a Proteção Civil de Itália, das 1.128 pessoas infetadas desde o início da emergência por causa do surto de Covid-19, 29 morreram e 50 recuperaram.


Covid-19. Há 73 infetados em França e estão proibidos eventos com 5000 pessoas
A meia-maratona de Paris e o Carnaval de Annecy foram cancelados hoje pelo governo francês preocupado com o aumento de casos de no país.

Alemanha e França são os outros países europeus com mais casos. Na França, existem 86 pessoas infetadas, estando oito em situação crítica. Neste país já houve duas mortes pelo novo coronavírus. Doze pessoas tiveram alta.

Na Alemanha, há 63 casos de contaminação e dois doentes em estado crítico. Um total de 16 pessoas recuperaram da infeção.

O balanço anterior, divulgado pelo Centro Europeu para a Prevenção e Controlo das Doenças, indicava 888 infetados e 21 mortos.

A epidemia de Covid-19 provocada por um novo coronavírus, detetado na China no final do ano, já infetou 86.020 pessoas, das quais morreram 2.942, segundo as autoridades dos 60 países e territórios afetados.

Das pessoas infetadas, mais de 36 mil recuperaram.


Notícias relacionadas

Itália ultrapassa China no número de mortos por Covid-19
As autoridades italianas confirmaram que o país registou 427 mortes nas últimas 24 horas, totalizando, até à data, 3.405 vítimas mortais, mais do que as 3.245 contabilizadas na China, onde o surto do novo coronavírus começou em dezembro.