Escolha as suas informações

China testou míssil supersónico em órbita
Mundo 17.10.2021
Exército

China testou míssil supersónico em órbita

Imagem de arquivo
Exército

China testou míssil supersónico em órbita

Imagem de arquivo
Foto: Kcna
Mundo 17.10.2021
Exército

China testou míssil supersónico em órbita

Lusa
Lusa
O progresso da China em armas hipersónicas surpreendeu os serviços secretos dos EUA, segundo o artigo do Financial Times.

A China testou em órbita, em agosto, um míssil hipersónico com capacidade nuclear, noticiou o Financial Times, citando várias fontes com conhecimento da realização deste teste.

De acordo com as fontes citadas pelo jornal, na edição de sábado, o míssil circulou a terra em órbita baixa antes de descer em direção a um alvo, que falhou.

Três das fontes disseram ao jornal que o planador hipersónico foi lançado por um foguete “Long Marche”, tendo o teste sido mantido em segredo.

O porta-voz do Pentágono, John Kirby, não comentou os detalhes do artigo, mas mostrou preocupação.

"Exprimimos claramente as nossas preocupações sobre o desenvolvimento militar que a China continua a prosseguir, que aumenta as tensões na região e arredores. Esta é uma das razões pelas quais consideramos a China como o nosso desafio número um", disse.


Luxemburgo. As homenagens aos resistentes das invasões nazis
O Grão-Duque Henri, Xavier Bettel e outros políticos e personalidades religiosas lembraram a coragem dos residentes do Grão-Ducado na Segunda Guerra Mundial. Veja as imagens.

Além de Pequim, também os Estados Unidos, a Rússia e pelo menos cinco outros países estão a trabalhar em tecnologia hipersónica.

Os mísseis hipersónicos conseguem voar ultrapassando mais de cinco vezes a velocidade do som, tal como os tradicionais mísseis balísticos que podem transportar armas nucleares.

Enquanto os mísseis balísticos voam alto no espaço, fazendo um arco para atingir o seu alvo, um míssil hipersónico faz uma trajetória baixa na atmosfera, podendo atingir o seu alvo mais rapidamente.

Por outro lado, um míssil hipersónico é manobrável, dificultando um contra-ataque para o derrubar.

O teste agora relatado ocorre no momento em que as tensões entre os EUA e a China aumentaram e Pequim intensificou as atividades militares perto de Taiwan, a democracia autónoma alinhada a Washington que a China vê como uma província à espera da reunificação.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas