Escolha as suas informações

Caso Petito. Brian Laundrie terá cometido suicídio
Mundo 2 min. 04.11.2021
EUA

Caso Petito. Brian Laundrie terá cometido suicídio

EUA

Caso Petito. Brian Laundrie terá cometido suicídio

Foto: AFP
Mundo 2 min. 04.11.2021
EUA

Caso Petito. Brian Laundrie terá cometido suicídio

Ana TOMÁS
Ana TOMÁS
Polícia aponta suicídio como causa provável da morte do namorado da influencer americana, assassinada em agosto. Os restos mortais de Laundrie serão agora examinados por um antropólogo forense para confirmar a causa da morte.

Brian Laundrie, o namorado de Gabby Petito, a influencer assassinada, no final deste verão, nos Estados Unidos da América, terá cometido suicídio, avançou a polícia.

Segundo afirmou, em conferência de imprensa, na sexta-feira, o xerife do Condado de Sarasota, Florida, Kurt Hoffman, Laundrie, de 23 anos, terá posto fim à própria vida na Reserva de Carlton, onde foram encontrados, a 20 de outubro, os restos mortais do jovem.


Gabby Petito e o namorado Brian Laundrie.
Caso Petito. Autoridades admitem erro de vigilância de Brian Laundrie
Restos mortais do namorado da influencer Gabby Petito, que foi assassinada em agosto, foram encontrados a semana passada.

"Segundo todos os relatos, provavelmente suicidou-se", afirmou, indicando que os seus restos mortais foram encontrados no local onde a polícia supunha que estivesse. 

A causa da morte não foi, contudo, ainda oficialmente determinada. Para confirmar a identidade dos restos mortais encontrados e de que corresponderiam a Brian Laundrie, o médico-legista do condado de Sarasota recorreu a registos dentários, mas não foi possível apurar a hora ou a causa da morte, devido ao elevado estado de decomposição do cadáver.

 Os restos mortais serão agora examinados por um antropólogo forense, para que os dados relativos à morte sejam confirmados. Os resultados deverão ser conhecidos até ao final deste mês, segundo adiantou ao canal televisivo Fox  Steven Bertolino, o advogado que representa a família Laundrie.

Para já, as investigações apontam para que o jovem tivesse morrido cerca de um mês antes de o seu corpo ser encontrado. Ou seja, desde o momento em que o seu paradeiro se tornou desconhecido, no início de setembro, dias depois de ter regressado à Florida, a casa dos pais, sem a namorada. 


Autópsia revela que Gabby Petito foi estrangulada até à morte
A jovem foi morta três a quatro semanas antes do corpo ser encontrado perto do Parque Nacional de Grand Teton, a 19 de setembro. Namorado continua a ser procurado pelas autoridades.

O casal estava em viagem pelos Estados Unidos, quando Gabby Petito, 22 anos, deixou de dar notícias à família, no final de agosto. Quando regressou da viagem, Laundrie recusou-se a dar informações sobre o que acontecera à namorada. Nessa altura, Patito foi, então, dada como desparecida e o seu corpo acabou por ser encontrado em meados de setembro, num parque no estado do Wyoming, um dos locais onde casal tinha estado. 

Gabby Petito foi morta no final de agosto, vítima de estrangulamento. Embora não tenha chegado a ser classificado oficialmente como suspeito, Laundrie era considerado pessoa de interesse, pelas autoridades policiais, na investigação do homicídio da namorada.

Com a sua morte, as atenções viram-se agora para as pistas que os objetos pessoais que foram encontrados junto do seu cadáver - uma mochila e um caderno - possam vir a revelar.

 






Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas