Escolha as suas informações

Cabo Verde quer atrair empresas luxemburguesas
Mundo 19.10.2016 Do nosso arquivo online
Entrevista

Cabo Verde quer atrair empresas luxemburguesas

Ulisses Correia e Silva quer ver os empresários luxemburgueses a "aproveitar as oportunidades existentes" em Cabo Verde
Entrevista

Cabo Verde quer atrair empresas luxemburguesas

Ulisses Correia e Silva quer ver os empresários luxemburgueses a "aproveitar as oportunidades existentes" em Cabo Verde
Foto: Manuel Dias
Mundo 19.10.2016 Do nosso arquivo online
Entrevista

Cabo Verde quer atrair empresas luxemburguesas

O primeiro-ministro de Cabo Verde quer atrair o investimento luxemburguês para o arquipélago. "Estamos a trabalhar para que a nossa economia seja atrativa e para que os empresários possam aproveitar as oportunidades existentes", disse Ulisses Correia e Silva ao Contacto.

O primeiro-ministro de Cabo Verde quer atrair o investimento luxemburguês para o arquipélago. Durante a sua visita de três dias ao Grão-Ducado, Ulisses Correia e Silva discutiu com as autoridades luxemburguesas a diversificação da cooperação entre os dois países e encontrou-se ainda com a comunidade cabo-verdiana.

Contacto: Esta é a sua primeira visita ao Luxemburgo enquanto PM de Cabo Verde. Foi recebido na sexta-feira por Xavier Bettel e pelo ministro da Cooperação, Romain Schneider. As relações bilaterais foram o centro das discussões?

Ulisses Correia e Silva: Foram e reconfirma-se que Cabo Verde e Luxemburgo têm relações muito boas. Temos aqui uma comunidade antiga, bem integrada, que faz parte da sociedade luxemburguesa, o que é importante para justificar a atenção que o Luxemburgo dá ao nosso país enquanto parceiro de desenvolvimento. Conversámos sobre como manter e reforçar essa relação de cooperação, mas também como abrir portas para a cooperação empresarial e atração de investimentos luxemburgueses em Cabo Verde. Estamos a trabalhar para que a nossa economia seja atrativa e para que os empresários possam aproveitar as oportunidades existentes.

Leia a entrevista na íntegra na edição desta quarta-feira do jornal Contacto.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Jean Asselborn, encontra-se hoje em visita de trabalho a Cabo Verde. Esta é a primeira vez que Asselborn vai a Cabo Verde enquanto ministro, e apenas por um dia, para abordar as relações bilaterais entre os dois países.
26.12.2017 Luxembourg, Ministère des affaires étrangères, Jean ASSELBORN ministre photo Anouk Antony
O primeiro-ministro de Cabo Verde chega esta sexta-feira ao Luxemburgo. Ulisses Correia e Silva vai ser recebido pelo seu homólogo luxemburguês, Xavier Bettel, e pelo ministro da Cooperação, Romain Schneider. O governante vai também encontrar-se com os cabo-verdianos.
Ulisses Correia e Silva esteve no Luxemburgo em 2013 quando era ainda autarca da cidade da Praia
Luxemburgo e Cabo Verde assinaram esta quinta-feira três protocolos de acordo bilateral no valor de 30 milhões de euros. O montante disponibilizado pela cooperação luxemburguesa, incluído no quarto Programa Indicativo de Cooperação, vai ser aplicado no orçamento sectorial, emprego e empregabilidade, e no sector da água e saneamento.
Luís Filipe Tavares e Romain Schneider qualificam as relações entre Luxemburgo e Cabo Verde como exemplares
Na última visita ao Luxemburgo de José Maria Neves enquanto primeiro-ministro, Xavier Bettel recebeu o governante cabo-verdiano como se recebem os amigos. O protocolo deu lugar à informalidade e o primeiro-ministro luxemburguês fez mesmo de cicerone ao seu homólogo cabo-verdiano, numa visita guiada à capital em passo de corrida, "para abrir o apetite" para o almoço oferecido por Bettel num restaurante chinês.