Escolha as suas informações

Cabo Verde/Eleições: MpD vence legislativas com maioria absoluta

Cabo Verde/Eleições: MpD vence legislativas com maioria absoluta

Foto: Lusa
Mundo 21.03.2016

Cabo Verde/Eleições: MpD vence legislativas com maioria absoluta

O Movimento para a Democracia (MpD), liderado por Ulisses Correia e Silva, venceu hoje com maioria absoluta às eleições legislativas em Cabo Verde, conquistando 53,7 por cento dos votos, segundo os resultados oficiais provisórios.

O Movimento para a Democracia (MpD), liderado por Ulisses Correia e Silva, venceu hoje com maioria absoluta às eleições legislativas em Cabo Verde, conquistando 53,7 por cento dos votos, segundo os resultados oficiais provisórios.

De acordo com os dados do ‘site’ oficial “Eleições legislativas 2016”, quando estavam contados 91,8 dos votos, o MpD conquistou a maioria dos lugares dos 72 lugares de deputados.

O Partido Africano da Independência de Cabo Verde, até agora no poder, obteve 81.319 votos (37 por cento).

A União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID) é a terceira força mais votada, com 15.380 votos (7 por cento).

Em termos de deputados, quando ainda faltam distribuir oito vagas, MpD tem eleitos 36 deputados, o PAICV 25 e a UCID conseguiu três lugares.

A abstenção registada situou-se nos 33,2 por cento.

Até ao momento, o MpD conseguiu pelo menos mais 20 mil votos que nas últimas eleições (94.674 votos em 2011).

Quando ainda falta contabilizar menos de dez por cento dos votos, o MpD conseguiu já superar os votos do PAICV em 2011, que 117.967 votos em 2011.

Mais de 350 mil eleitores cabo-verdianos foram hoje às urnas para eleger os 72 deputados ao parlamento nacional, de onde sairá o Governo para os próximos cinco anos.


Notícias relacionadas

Legislativas: Espanha vai a votos este domingo
As assembleias de voto abriram em Espanha às 9h00 locais (mesma hora no Luxemburgo) para recolher os votos dos mais de 36,5 milhões de votantes que decidirão hoje nas eleições gerais a distribuição dos 350 lugares do Congresso dos Deputados e dos 208 do Senado.