Escolha as suas informações

Brexit: PM da Escócia considera "altamente provável" novo referendo sobre independência
Mundo 26.06.2016

Brexit: PM da Escócia considera "altamente provável" novo referendo sobre independência

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon.

Brexit: PM da Escócia considera "altamente provável" novo referendo sobre independência

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon.
Mundo 26.06.2016

Brexit: PM da Escócia considera "altamente provável" novo referendo sobre independência

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, afirmou hoje que é "altamente provável" que se realize um novo referendo sobre a independência, depois de o Reino Unido ter decidido abandonar a União Europeia.

A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, afirmou hoje que é "altamente provável" que se realize um novo referendo sobre a independência, depois de o Reino Unido ter decidido abandonar a União Europeia.

"O Reino Unido, pelo qual a Escócia votou para permanecer em 2014, já não existe", afirmou a primeira-ministra escocesa à estação britânica BBC, garantido que tudo fará "para proteger os interesses dos escoceses".

Contrariamente aos ingleses, os escoceses votaram, maioritariamente, pela permanência na União Europeia e, segundo sondagens hoje publicadas, estes irão votar pela independência da Escócia casa haja um novo referendo.

De acordo com uma sondagem hoje divulgada, mais de metade (52%) dos escoceses querem agora a independência, depois de o Reino Unido ter decidido deixar a União Europeia ('brexit').

A sondagem da Panelbase para o Sunday Times conclui que 52% dos inquiridos defendem a independência da Escócia do Reino Unido, enquanto 48% estão contra.

A Escócia rejeitou a independência num referendo realizado em 2014, mas a primeira-ministra Nicola Sturgeon admitiu já que uma segunda ida às urnas é "altamente provável", para a evitar que os escoceses sejam forçados a sair da União Europeia contra a sua vontade.

Os eleitores britânicos decidiram que o Reino Unido vai sair da União Europeia, depois de o 'Brexit' ter conquistado 51,9% dos votos no referendo de quinta-feira. No entanto, 62% dos eleitores da Escócia votaram a favor do 'remain', ou seja, da permanência na União.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Brexit: John Kerry em Bruxelas e Londres na segunda-feira
O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, vai deslocar-se a Bruxelas e Londres, depois de os britânicos terem decidido no referendo de quinta-feira sair da União Europeia (UE), indicaram hoje fontes próximas do responsável norte-americano.
US Secretary of State John Kerry attends an interfaith Iftar reception to mark World Refugee Day at the All Dulles Area Muslim Society in Sterling, Virginia on June 20, 2016. / AFP PHOTO / YURI GRIPAS