Escolha as suas informações

Bansky também está debaixo de àgua em Veneza
Mundo 16.11.2019

Bansky também está debaixo de àgua em Veneza

Bansky também está debaixo de àgua em Veneza

Mundo 16.11.2019

Bansky também está debaixo de àgua em Veneza

Grafitti da criança refugiada com um colete salva-vidas está parcialmente submerso.

Em estado de emergência desde quinta-feira à noite, Veneza enfrenta as piores cheias dos últimos 50 anos, nas contas da CNN. Este sábado as chuvas torrenciais quebraram a aparente acalmia que se sentiu durante a noite. 

Em plena cidade italiana, uma obra de arte de Banksy ficou parcialmente debaixo de água. Trata-se do grafitti de uma criança refugiada com um colete salva-vidas e um sinalizador cor de rosa na mão, desenhada na parede do palácio do canal de Ca Foscari, perto do Campo Santa Margherita. 

Desde sexta-feira que a Praça de São Marcos está fechada. Nas redes sociais o presidente da Câmara, Luigi Brugnaro, explicou que se trata de uma medida de segurança. 

"Fechamos a praça para não colocar em risco a segurança das pessoas", lê-se no tweet do autarca, depois de a água ter subido 1,87 metros.  

De acordo com os meios de comunicação italianos, 70% da cidade está inundada. Os transportes públicos vão continuar encerrados até conseguirem completar as viagens em segurança.