Escolha as suas informações

Aterragem de emergência : Autoridades confirmam que havia uma bomba em avião da Air France
Mundo 20.12.2015 Do nosso arquivo online

Aterragem de emergência : Autoridades confirmam que havia uma bomba em avião da Air France

O voo AF 463, com 459 personnes a bordo, foi obrigado a aterrar de emergência depois de ser descoberto um pacote suspeito na casa-de-banho

Aterragem de emergência : Autoridades confirmam que havia uma bomba em avião da Air France

O voo AF 463, com 459 personnes a bordo, foi obrigado a aterrar de emergência depois de ser descoberto um pacote suspeito na casa-de-banho
Foto: Reuters
Mundo 20.12.2015 Do nosso arquivo online

Aterragem de emergência : Autoridades confirmam que havia uma bomba em avião da Air France

As autoridades do Quénia confirmaram hoje que o dispositivo suspeito encontrado na casa de banho do voo Air France 463, que fazia o trajeto entre as Ilhas Maurícias e Paris, é uma bomba, segundo o jornal Independent.

As autoridades do Quénia confirmaram hoje que o dispositivo suspeito encontrado na casa de banho do voo Air France 463, que fazia o trajeto entre as Ilhas Maurícias e Paris, é uma bomba, segundo o jornal Independent.

Dois suspeitos que estavam no voo estão a ser interrogados pelas forças de segurança quenianas, após o avião da Air France ter feito uma aterragem de emergência em Mombaça, quando um pacote suspeito foi descoberto na casa de banho, segundo o jornal britânico.

O voo AF 463, com 459 passageiros e 14 membros da tripulação a bordo, tinha deixado a ilhas Maurícias às 21:00 locais e devia aterrar em Paris às 05:50 locais (04:50 em Lisboa). O aparelho aterrou no aeroporto internacional Moi de Mombaça, na costa do Quénia, às 00:37 locais.

O avião tinha como destino o aeroporto de Charles de Gaulle, na capital francesa.

Todos os 459 passageiros e a tripulação foram escoltados em segurança para fora da aeronave, enquanto o dispositivo foi retirado por elementos das forças de segurança quenianas para ser detonada longe do aeroporto.

Especialistas de bombas quenianos examinaram o dispositivo desde que o avião pousou, enquanto os passageiros foram levados para os hotéis próximos.

Contactada pela agência AFP, a Air France disse que "ainda não sabem a natureza do objeto" encontrado a bordo.

"As autoridades quenianas estão a realizar a sua investigação e mantemos contacto com eles", disse um porta-voz da companhia aérea.

Os serviços de segurança quenianos isolaram o aeroporto e os voos haviam sido suspensos mas, posteriormente, o avião foi retirado da pista e o tráfego aéreo voltou à normalidade.

(Lusa)


Notícias relacionadas