Escolha as suas informações

Alemanha. Tornado na Renânia provoca uma morte e mais de 50 feridos
Mundo 25 2 min. 21.05.2022
Mau tempo

Alemanha. Tornado na Renânia provoca uma morte e mais de 50 feridos

O tornado partiu vidros, levantou telhados em muitos edifícios deixando um rasto de destruição na cidade.
Mau tempo

Alemanha. Tornado na Renânia provoca uma morte e mais de 50 feridos

O tornado partiu vidros, levantou telhados em muitos edifícios deixando um rasto de destruição na cidade.
AFP
Mundo 25 2 min. 21.05.2022
Mau tempo

Alemanha. Tornado na Renânia provoca uma morte e mais de 50 feridos

AFP
AFP
Em Paderborn dez pessoas ficaram gravemente feridas, uma faleceu e os danos na cidade são inúmeros. As imagens mostram a força da tempestade.

Se no Luxemburgo o mau tempo passou sem incidentes na Alemanha causou uma morte, dezenas de feridos e deixou um rasto de destruição. Em Paderborn, mais de 50 pessoas ficaram feridas, "dez delas com gravidade", e uma acabou por falecer devido a um violento tornado que devastou esta cidade no oeste da Alemanha na sexta-feira, anunciou à AFP um porta-voz da polícia.

"Trinta e oito pessoas foram feridas, algumas com gravidade, e foram transportadas para o hospital", disse a corporação de bombeiros da cidade na sua conta do Twitter. Uma pessoa "está em risco de vida", disse a polícia local.

O fenómeno raro e localizado atingiu esta cidade de tamanho médio na Renânia do Norte-Vestefália no final da tarde, enquanto que o mau tempo afetava todo o país após vários dias de temperaturas anormalmente elevadas.

A coluna do tornado foi avançando em direção a casas, levando árvores e partes de edifícios, era visível em várias fotografias afixadas em redes sociais.

 Em Paderborn, a polícia estima que os "danos" causados pela tempestade são da ordem de "vários milhões de euros", tendo sido mobilizadas mais de 350 forças de intervenção.

 A cidade de Lippstadt, situada a cerca de 30 quilómetros de distância de Paderborn, também terá sido afetada por um tornado, mas sem causar feridos, segundo um porta-voz dos bombeiros.

  Na vizinha Renânia-Palatinado, um homem de 38 anos de idade faleceu vítima de um choque elétrico quando entrou numa cave inundada pelo temporal, tendo caído e batido com a cabeça comunicou por seu turno a polícia de Coblence.

Esta região e a Renânia do Norte-Vestefália, foram gravemente atingidas em Julho passado por chuvas torrenciais que provocaram cheias e vitimaram mortalmente mais de 180 pessoas.  

Segundo a AFP, o mau tempo provocou danos avultados nesta região do oeste da Alemanha, com as autoridades a reportarem inúmeros telhados arrancados e árvores caídas. Fotografias publicadas nas redes sociais também mostraram carros capotados.

A circulação ferroviária foi severamente interrompida e a polícia apelou aos moradores para ficarem em casa.

Na sexta-feira, o serviço meteorológico alemão emitiu um alerta de tempestade com rajadas de vento que podem atingir os 130 km/h em alguns locais.


Alerta de tempestade prolongado até sexta-feira à noite
O alerta amarelo, emitido inicialmente para esta quinta-feira, foi prolongado até sexta-feira às 18h, em todo o país.

A violência desta tempestade foi provocada por uma "mistura explosiva" de massas de ar na Alemanha, uma corrente particularmente quente de Espanha e França, por um lado, e a massa de ar frio que veio do norte, por outro, como explicou o meteorologista Özden Terli na televisão pública ZDF.

Para este sábado em Paderborn a situação meteorológica recupera a calma.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.