Escolha as suas informações

Variante britânica continua a representar 74,1% dos casos positivos detetados no Luxemburgo
Luxemburgo 15.04.2021

Variante britânica continua a representar 74,1% dos casos positivos detetados no Luxemburgo

Variante britânica continua a representar 74,1% dos casos positivos detetados no Luxemburgo

Foto: AFP
Luxemburgo 15.04.2021

Variante britânica continua a representar 74,1% dos casos positivos detetados no Luxemburgo

Susy MARTINS
Susy MARTINS
No entanto a percentagem da variante sul-africana subiu ligeiramente.

A variante britânica está na origem de 74,1% dos contágios por SARS-CoV-2, no Grão-Ducado. Dos 529 casos positivos sequenciados na semana de 29 de março a 4 de abril, mais de 74% das infeções foram provocadas pela variante britânica (B.1.1.7). Esta taxa ficou inalterada face à semana anterior, segundo o boletim semanal do Ministério da Saúde divulgado esta quarta-feira.

No entanto a percentagem da variante sul-africana (B.1.351) subiu ligeiramente, passando de 18,1% para 19,4% das amostras sequenciadas. Note-se ainda que na semana passada foram detetados seis casos da variante brasileira (P.1) no Luxemburgo. Os 529 casos sequenciados representam 30,7% dos 1.265 casos positivos detetados no Luxemburgo na última semana. Um valor acima dos 10% recomendados pelo Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças, para se ter um resultado representativo da população infetada.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas