Escolha as suas informações

UE proíbe xaropes para a tosse potencialmente perigosos à venda no Luxemburgo
Luxemburgo 02.12.2022
EMA

UE proíbe xaropes para a tosse potencialmente perigosos à venda no Luxemburgo

EMA

UE proíbe xaropes para a tosse potencialmente perigosos à venda no Luxemburgo

Foto: DR
Luxemburgo 02.12.2022
EMA

UE proíbe xaropes para a tosse potencialmente perigosos à venda no Luxemburgo

AFP
AFP
Utilizados desde os anos 50, foram até recentemente vendidos na Bélgica, Croácia, França, Irlanda, Lituânia, Luxemburgo e Eslovénia, nomeadamente sob as marcas Dimetane, Biocalyptol e Broncalene.

Os xaropes para a tosse que contêm folcodina deverão ser proibidos na União Europeia uma vez que podem causar uma reação alérgica muito perigosa quando administrados sob anestesia geral, disse esta sexta-feira a Agência Europeia de Medicamentos (EMA). Estes xaropes, destinados a tratar a tosse seca tanto em crianças como em adultos, podem ser perigosos mesmo que consumidos muito antes da anestesia. 

 "A utilização de folcodina nos 12 meses anteriores [à anestesia] pode causar uma reacção anafiláctica no momento da anestesia geral", uma "reacção alérgica súbita, grave e com risco de vida", disse a EMA numa declaração onde anuncia a sua decisão, que será aplicada logo que seja aprovada administrativamente. 

Estes medicamentos, utilizados desde os anos 50, foram até recentemente vendidos na Bélgica, Croácia, França, Irlanda, Lituânia, Luxemburgo e Eslovénia, nomeadamente sob as marcas Dimetane, Biocalyptol e Broncalene.

Contudo, as autoridades sanitárias francesas já tinham indicado em setembro que a autorização de comercialização destes xaropes tinha sido retirada, e que os já existentes em farmácias ou centros de saúde seriam retirados de circulação.

Em abril de 2020, no auge da epidemia de covid, da qual a tosse seca era um dos principais sintomas, tinham também recomendado a não utilização deste tipo de xarope.

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.