Escolha as suas informações

Três homens e duas mulheres na liderança do LSAP
Luxemburgo 23.01.2019 Do nosso arquivo online

Três homens e duas mulheres na liderança do LSAP

Três homens e duas mulheres na liderança do LSAP

Foto: Lex Kleren
Luxemburgo 23.01.2019 Do nosso arquivo online

Três homens e duas mulheres na liderança do LSAP

Franz Fayot é o novo presidente do LSAP.

O deputado, que era o único candidato ao cargo, foi eleito ontem no congresso nacional dos socialistas, em Bascharage, sucedendo a Claude Haagen na liderança do partido.

O congresso ditou a formação da nova equipa que vai liderar os socialistas luxemburgueses, da qual fazem parte três homens e duas mulheres.

Paulette Lenert, ministra da Cooperação e Ação Humanitária, e Dan Biancalana, deputado e burgomestre de Dudelange, são os novos vice-presidentes do LSAP. Christine Schweich permanece no cargo de tesoureira, ao passo que Tom Jungen foi eleito para o posto de secretário-geral do partido, substituindo Yves Cruchten.

Concluído o congresso dos socialistas, os olhos estão agora postos no Partido Cistão Social (CSV). Serge Wilmes e Frank Engel vão disputar a presidência do maior partido da oposição, no congresso nacional do CSV, marcado para o dia 26, em Moutfort.


Diana Alves


Notícias relacionadas

Yves Crutchen é o novo líder dos socialistas luxemburgueses
É com esta votação clara e quase norte-coreana de 98,6" que o sucessor de Franz Fayot foi eleito para presidente do Partido Socialista Luxemburguês (LSAP). O deputado de 44 anos do círculo eleitoral do sul, que chega a presidente do partido no dia Internacional da Mulher, tendo revelado o seu desejo de dar às mulheres um lugar maior destaque na política e na sua organização.