Escolha as suas informações

Transfronteiriços franceses também vão poder ficar em teletrabalho até ao final do ano
Luxemburgo 26.08.2020 Do nosso arquivo online

Transfronteiriços franceses também vão poder ficar em teletrabalho até ao final do ano

Transfronteiriços franceses também vão poder ficar em teletrabalho até ao final do ano

Foto: dpa
Luxemburgo 26.08.2020 Do nosso arquivo online

Transfronteiriços franceses também vão poder ficar em teletrabalho até ao final do ano

Diana ALVES
Diana ALVES
O Ministério das Finanças informou ter recebido confirmação oficial por parte do Governo francês, sendo que o acordo bilateral no âmbito da luta contra a covid-19 será prorrogado até 31 de dezembro de 2020.

Depois dos belgas, também os trabalhadores transfronteiriços franceses vão poder ficar em teletrabalho até ao final do ano.

O Ministério das Finanças informou ter recebido confirmação oficial por parte do Governo francês, sendo que o acordo bilateral no âmbito da luta contra a covid-19 será prorrogado até 31 de dezembro de 2020.


Pessoas em teletrabalho estão a trabalhar mais à noite e aos fins de semana
Os cidadãos a trabalhar a partir de casa fazem, em média, quatro horas extraordinárias.

Na prática, o acordo permite aos franceses trabalharem a partir de casa sem que isso implique mexidas no seu regime fiscal. Isto é, o trabalho efetuado no domicílio, ao abrigo das medidas de combate à pandemia, será considerado como trabalho prestado no Luxemburgo.

A notícia surge um dia depois de o acordo sobre o teletrabalho dos transfronteiriços belgas ter sido prolongado também até ao final do ano.

Quanto aos trabalhadores que vivem na Alemanha, o ministro das Finanças, Pierre Gramegna, lembra em comunicado que o acordo com a Alemanha é automaticamente renovado todos os meses até que uma das partes o denuncie.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Há novas rotinas para quem mora nos países vizinhos e tem de continuar a vir trabalhar para o Luxemburgo. E fazem-se acordos especiais para não alterar o regime fiscal face às novas medidas para travar o coronavírus.
A German police officer, wearing a face mask, questions a driver at the border crossing between Austria and Germany, near the German village of Oberaudorf, as Germany imposes border controls with five countries in a virus fightback, on March 16, 2020. - Germany introduced border controls with Austria, Denmark, France, Luxembourg and Switzerland in a bid to stem the coronavirus outbreak. Only those with a valid reason for travel, like cross-border commuters and delivery drivers, are allowed through, officials said. (Photo by Christof STACHE / AFP)