Escolha as suas informações

TGV: Nova linha de alta velocidade foi inaugurada no domingo

TGV: Nova linha de alta velocidade foi inaugurada no domingo

Foto: Lex Kleren
Luxemburgo 22 2 min. 03.07.2016

TGV: Nova linha de alta velocidade foi inaugurada no domingo

Foi oficialmente inaugurada no domingo a nova linha de alta velocidade, baptizada de “Europeia” (L’Europeanne em francês), que liga o Luxemburgo a várias cidades europeias, principalmente ao sul de França, destino de eleição dos residentes.

Foi oficialmente inaugurada no domingo a nova linha de alta velocidade, baptizada de “Europeia” (L’Europeanne em francês), que liga o Luxemburgo a várias cidades europeias, principalmente ao sul de França, destino de eleição dos residentes.

O Luxemburgo financiou o novo eixo com 40 milhões de euros, 1,99% do orçamento global, que atingiu os 2.01 mil milhões de euros. Em 2020, estima-se que 12.8 milhões de passageiros, ao ano, utilizem a linha. São 300 mil passageiros adicionais.

A inauguração acontece meses após o trágico acidente, que resultou em 10 mortes e mais de 30 feridos, nos primeiros testes de segurança da linha, em Eckwersheim, França.

Novas rotas

As ligações possíveis com a nova linha
As ligações possíveis com a nova linha
SNCF

As novas rotas permitem chegar rapidamente a: Thionville, Metz, Estrasburgo, Colmar, Mulhouse, Belfort-Montbéliard, Besançon, Franche Comté, Dijon, Macon, Lyon, Valence, Avignon, Aix-en-Provence , Marselha, Montpellier e Nimes.

As cidades de Bruxelas, Frankfurt, Estugarda, Munique, Lille, Nantes, Rennes, Bordéus e Paris, embora não sejam directas, também são realizadas em menos tempo.


A primeira partida da capital luxemburguesa para Estrasburgo, sofreu um atraso. E também a ligação contrária, sofreu um atraso de cinco minutos, mas quer passageiros, quer entusiastas da linha, desvalorizaram.

Esta nova linha de alta velocidade pode conectar o Luxemburgo a Estrasburgo em apenas 1 hora e 39 minutos. É 30 minutos mais rápida, com uma velocidade máxima de 320 km/h. Diariamente existem duas ligações, em cada sentido.

Segundo fonte da CFL (Caminhos de Ferroviários do Luxemburgo), “o Luxemburgo aproximou-se mais da Europa”.

Marselha, Montpellier e Lyon, que são das zonas mais procuradas por habitantes do país, estão a partir de hoje mais perto, sendo possível ligações directas e mais rápidas.

Um domingo de festa em Estrasburgo

Para comemorar esta nova linha, que tem 160 quilómetros adicionais à anterior, em frente à estação de Estrasburgo, foram montados stands de cada cidade por onde esta passa, e na mostra do Luxemburgo não faltou a gastronomia típica. Um forma de interligar também as culturas das diferentes cidades.

Se os luxemburgueses estão animados por esta ligação rápida para as zonas balneares francesas, também os franceses mostram-se satisfeitos com a ligação contrária, podendo assim visitar o país mais frequência.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas