Escolha as suas informações

Sondagem. Eleitores voltariam a eleger o Governo de Xavier Bettel
Luxemburgo 02.07.2020

Sondagem. Eleitores voltariam a eleger o Governo de Xavier Bettel

Sondagem. Eleitores voltariam a eleger o Governo de Xavier Bettel

Foto: Lex Kleren
Luxemburgo 02.07.2020

Sondagem. Eleitores voltariam a eleger o Governo de Xavier Bettel

Diana ALVES
Diana ALVES
Se houvesse eleições legislativas no Luxemburgo este fim de semana, a atual coligação governamental voltaria a cantar vitória. É o que revela uma sondagem Politmonitor realizada em junho pelo TNS Ilres, a pedido do Luxemburger Wort e da RTL.

Segundo as conclusões do inquérito, divulgadas esta manhã pela rádio luxemburguesa, o Partido Democrático (DP), do primeiro-ministro, Xavier Bettel, angariaria 20,6% dos votos. 

Percentagem que lhe valeria 15 assentos parlamentares, permitindo-lhe continuar a liderar a coligação. Ainda sobre a coligação, aparecem depois os socialistas do LSAP, que conquistariam 10 assentos (16,4% dos votos) e depois os ecologistas do Déi Gréng, com oito (13,5% dos votos).

Feitas as contas, os três partidos da atual coligação somariam 33 assentos, mais dois do que atualmente. Quanto à bancada da oposição, a sondagem mostra que o Partido Cristão Social (CSV) continuaria a ser o partido mais votado, conquistando 19 lugares no Parlamento (27,5% dos votos), mas menos dois do que em 2018. 

Já o ADR manteria os atuais quatro deputados, ao passo que o déi Lénk conquistaria um terceiro e o Partido Pirata perderia um.

Citado pela RTL, o diretor do TNS Ilres, Luc Biever, sublinha no entanto que a sondagem “não diz nada sobre o resultado das próximas eleições, em 2023”. Trata-se aqui de uma previsão caso as legislativas tivessem lugar este fim de semana.

A sondagem inquiriu 1.811 luxemburgueses, maiores de idade e oriundos dos quatro círculos eleitorais do país. O inquérito foi realizado entre os dias 8 e 24 de junho, por telefone e através da Internet.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Negociações para o novo governo entram na reta final
Para quarta-feira, dia 14 de novembro, está então agendada uma nova ronda negocial com os líderes de cada partido para avaliar o trabalho que tem sido feito no seio dos diferentes grupos. Entretanto, numa declaração à RTL, o vice-primeiro-ministro e ministro da Economia ainda em funções, Étienne Schneider, sublinhou que esse trabalho deverá ficar concluído esta semana.
Legislativas. Noite amarga para o CSV
O CSV continua a ser o partido mais votado nas legislativas luxemburguesas mas não atinge os seus objetivos. O atual primeiro-ministro, Xavier Bettel (DP), disse que esta coligação "tem condições para continuar", enquanto Wiseler pretende formar governo à frente do partido mais votado. A grande revelação da noite foi o Partido Pirata e o déi Gréng.
Entrevista a Roy Reding. "O ADR é um partido pró-europeu"
Roy Reding é vice-presidente do Partido Democrático Reformador (ADR) e cabeça de lista do ADR no círculo eleitoral do Centro. Em entrevista gravada a 18 de setembro na Rádio Latina, o político deixou algumas ideias do programa eleitoral do seu partido. Ouça a entrevista na íntegra.