Sondagem BCL

Mais de 67% das famílias no Luxemburgo têm casa própria

Foto: Shutterstock

Mais de 67% dos agregados familiares luxemburgueses tem casa própria, segundo uma sondagem do Banco Central do Luxemburgo (BCL).

O documento, que contou com a colaboração do Instituto de Investigação Socio-Económica (LISER), revela que casas, carros e outros objetos de valor representam 84,7% dos ativos reais das famílias do Luxemburgo.

A maior parte dos agregados familiares tem casa própria (67,6%), sendo que inúmeras famílias possuem outros bens imobiliários (26,3%) e objetos valiosos (25,7%), de acordo com os dados disponíveis referentes a 2014.

Em termos comparativos, estes números não diferem muito dos registados em 2010.

O valor médio dos ativos reais brutos rondava os 733.3000 euros no final de 2014.

A residência principal (59,7%) e os outros bens imobiliários (31,8%) são as duas categorias mais importantes, seguidas por empresas individuais (4,7%), veículos (2,8%) e 1,0% para os objetos de valor.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.