Escolha as suas informações

Quase 27% de infetados tinham vacinação completa
Luxemburgo 09.09.2021
Relatório semanal covid-19

Quase 27% de infetados tinham vacinação completa

Relatório semanal covid-19

Quase 27% de infetados tinham vacinação completa

Foto: Sebastian Kahnert/dpa-Zentralbil
Luxemburgo 09.09.2021
Relatório semanal covid-19

Quase 27% de infetados tinham vacinação completa

Susy MARTINS
Susy MARTINS
O número de novos contágios pelo vírus da covid-19 continua a crescer. Segundo o último relatório semanal, o Luxemburgo registou 573 casos na semana de 30 de agosto a 5 de setembro, um aumento de 6% em comparação com a semana anterior.

Do total de infetados na semana passada, 26,7% tinham a vacinação completa. Já a grande maioria, 73,3% estavam vacinados contra a covid-19. As viagens ao estrangeiro continuam a ser a fonte mais frequente de contaminação (31,8%), seguido do ambiente familiar (25,2%) e do lazer (6,3%). 

Os internamentos devido à doença têm vindo a aumentar. Na semana passada, havia 22 pessoas internadas em enfermaria, mais uma do que na semana anterior, e nove nos cuidados intensivos (mais três do que na semana passada).

No balanço semanal, o Ministério da Saúde destaca ainda que 76,7% dos pacientes internados nos cuidados normais não estavam vacinados contra a covid-19.


Professores não vacinados ficam em casa quando houver mais de dois casos numa turma
Ministério da Educação explica ao Contacto as medidas para os docentes que ainda não têm vacina contra a covid-19 no novo ano escolar.

O mesmo verificou-se com todos os doentes infetados nos cuidados intensivos, que também não estavam vacinados. A covid-19 provocou duas mortes na semana passada no Grão-Ducado.

Ainda de acordo com os dados da tutela, na semana foram administradas mais 7.401 doses da vacina: 3.584 pessoas receberam a primeira dose, 3.757 a segunda. Sessenta pessoas receberam uma terceira dose. Atualmente 395.384 pessoas têm a vacinação completa no país.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Tal como esperado, os casos positivos de covid-19 estão a aumentar depois do período de férias de verão. A mais recente retrospetiva da semana, divulgada pelo Ministério da Saúde, dá conta de um aumento de 23%, entre a semana passada e a precedente.