Escolha as suas informações

Quarta vaga. Luxemburgo com recorde de casos em 2021
Luxemburgo 24.11.2021
Covid-19

Quarta vaga. Luxemburgo com recorde de casos em 2021

Covid-19

Quarta vaga. Luxemburgo com recorde de casos em 2021

Foto : DPA
Luxemburgo 24.11.2021
Covid-19

Quarta vaga. Luxemburgo com recorde de casos em 2021

Ana B. Carvalho
Ana B. Carvalho
Foram registados mais 556 novos casos de infeção pelo novo coronavírus. Número mais alto deste ano tinha sido atingido a 16 de novembro.

Segundo os últimos dados comunicados pelo ministério da Saúde do Luxemburgo, o país registou 556 novos casos de covid-19 em 4.780 testes realizados nas últimas 24 horas, o que resultou numa taxa positiva de 11,64%.  É um valor recorde em 2021, uma vez que o número mais alto deste ano tinha sido registado a 16 de novembro, quando o país contabilizou 491 novas infeções em 24 horas. Não houve mortes a registar no último dia.

Existem neste momento 3.816 infecções ativas no Grão-Ducado e há 37 pacientes a necessitar de cuidados hospitalares normais ( mais um do que no dia anterior) e onze pacientes em unidades de cuidados intensivos, menos dois do que na terça-feira.


Estudo. Países liderados por mulheres foram oito dias mais rápidos a confinar
Os países liderados por mulheres foram, em geral, oito dias mais rápidos a restringir fronteiras e viagens após terem a primeira morte por covid-19, conclui um estudo que envolveu as universidades do Minho e de Roma 3 (Itália).

Segundo os dados do Ministério da Saúde 82.674 pessoas recuperaram do vírus. 

No Luxemburgo 444.472 pessoas receberam a sua primeira dose de imunização contra o novo coronavírus e 426.659 pessoas cumpriram o plano de vacinação completo.


Cientistas temem aumento exponencial de casos no Grão-Ducado

A situação pandémica tem-se agravado no Luxemburgo e as projeções apontam para um crescimento exponencial de novos casos nas próximas semanas. Esta é a conclusão do último relatório da Task Force Covid-19, publicado na sexta-feira.

Atualmente, o país regista um ligeiro aumento de casos diários com uma média de 227 casos diários (eram 206 na semana anterior), o que segundo os cientistas aponta para uma evolução exponencial. Também a média semanal das hospitalizações tem aumentado, passando de 28,7 casos diários para os 36,7 intermanentos/dia. 

As projeções da Task-Force indicam que no mês de janeiro se possa chegar a 60 hospitalizações nos cuidados de saúde normais e a 25 internamentos nas unidades de cuidados intensivos. Indicadores que levam os cientistas a reiterar a importância de respeitar as medidas de segurança e de higiene, até que se atinja a imunidade de grupo.

O pior cenário possível, segundo os cientistas, é que as vacinas deixem de funcionar mais cedo do que o previsto, sobretudo se entretanto surgirem novas variantes. Atualmente, 100% dos casos no Luxemburgo devem-se à variante Delta.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

O pior cenário possível, segundo os cientistas, é que as vacinas deixem de funcionar mais cedo do que o previsto, sobretudo se entretanto surgirem novas variantes. Atualmente, 100% dos casos no Luxemburgo devem-se à variante Delta.