Escolha as suas informações

Próximo elenco da Comissão Europeia: Martin Schulz alerta para risco de "chumbo" de CE com poucas mulheres
Luxemburgo 30.08.2014 Do nosso arquivo online

Próximo elenco da Comissão Europeia: Martin Schulz alerta para risco de "chumbo" de CE com poucas mulheres

The President of the European Parliament Martin Schulz arrives on August 30, 2014 for a European Union summit at EU headquarters in Brussels. EU leaders are expected to agree on tougher sanctions against Russia after NATO charged that Moscow now had 1,000 troops fighting in support of rebel forces in southeastern Ukraine and had shipped in large amounts of heavy weaponry.  AFP PHOTO / THIERRY CHARLIER

Próximo elenco da Comissão Europeia: Martin Schulz alerta para risco de "chumbo" de CE com poucas mulheres

The President of the European Parliament Martin Schulz arrives on August 30, 2014 for a European Union summit at EU headquarters in Brussels. EU leaders are expected to agree on tougher sanctions against Russia after NATO charged that Moscow now had 1,000 troops fighting in support of rebel forces in southeastern Ukraine and had shipped in large amounts of heavy weaponry. AFP PHOTO / THIERRY CHARLIER
Foto: AFP
Luxemburgo 30.08.2014 Do nosso arquivo online

Próximo elenco da Comissão Europeia: Martin Schulz alerta para risco de "chumbo" de CE com poucas mulheres

O presidente do Parlamento Europeu (PE), Martin Schulz, alertou hoje, em Bruxelas, para o risco de a próxima Comissão Europeia ser rejeitada pelos eurodeputados por falta de mulheres na sua composição.

O presidente do Parlamento Europeu (PE), Martin Schulz, alertou hoje, em Bruxelas, para o risco de a próxima Comissão Europeia ser rejeitada pelos eurodeputados por falta de mulheres na sua composição.

"Precisamos de mais mulheres", disse Schulz, na conferência de imprensa que encerrou o seu encontro com os líderes dos 28, no âmbito do Conselho Europeu.

"Uma Comissão sem um equilíbrio de géneros adequado pode não conseguir garantir uma maioria no PE e ser rejeitada", adiantou.

"Todos têm que assumir as suas responsabilidades. Se a nova Comissão integrar menos mulheres do que a actual, há um grande risco de falhar a maioria no Parlamento", reiterou.

O futuro presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, pediu aos Estados-membros que indiquem mulheres para o executivo comunitário, mas são ainda poucas as designadas pelos 28.

O PE advertiu já por diversas vezes que chumbará um executivo com uma representação feminina inferior àquela verificada na ‘Comissão Barroso’ (nove mulheres).

A 1 de Agosto, o Governo anunciou que escolheu Carlos Moedas, secretário de Estado adjunto do primeiro-ministro, para integrar a "Comissão Juncker", restando saber que pasta lhe será atribuída.


Notícias relacionadas

Xavier Bettel na reunião de líderes da UE que aprovou acordo para o Brexit
Os chefes de Estado e de Governo dos 27 apovaram esta manhã o projeto de acordo da saída do Reino Unido da União Europeia, anunciou Donald Tusk na cimeira extraordinária que teve lugar esta manhã em Bruxelas. A reunião, em que esteve também presente o primeiro-ministro do Luxemburgo, Xavier Bettel, demorou 38 minutos.
Xavier Bettel em Bruxelas, esta manhã.