Escolha as suas informações

Portugal. vai continuar em confinamento total até 14 de fevereiro
Luxemburgo 28.01.2021

Portugal. vai continuar em confinamento total até 14 de fevereiro

Portugal. vai continuar em confinamento total até 14 de fevereiro

AFP
Luxemburgo 28.01.2021

Portugal. vai continuar em confinamento total até 14 de fevereiro

Redação
Redação
Todas as restrições impostas nos últimos 15 dias permanecem em vigor. As escolas continuam encerradas e os alunos vão iniciar o ensino à distância.

Todas as restrições impostas em Portugal continental nos últimos 15 dias ao funcionamento do comércio não essencial, da restauração e relativas à proibição de circulação entre concelhos ao fim de semana permanecem em vigor, anunciou hoje o Governo. 

A decisão foi tomada na sequência do contínuo agravamento da situação da doença em Portugal que desde há dias regista sucessivas e tristes novos máximos de infeções e mortes. 

Nas últimas 24 horas o número de mortos diários ultrapassou a barreira dos 300, tendo no País falecido 303 portugueses devido à covid-19. Também o registo de novas infeções num dia, 16.432 casos, entre ontem e hoje representam um novo máximo atingido. Os hospitais já não têm camas para os doentes que continuam a chegar e as filas de ambulâncias com doentes paradas há entrada dos hospitais, à espera de vaga para o paciente, têm sido um cenário habitual.

Tudo igual por mais 15 dias

“Todas as restrições impostas nos últimos 15 dias permanecem em vigor. Nós não estamos em condições de aliviar de forma nenhuma qualquer medida restritiva que exista”, afirmou a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, na conferência de imprensa realizada no final do Conselho de Ministros.

Entre as restrições, disse, estão todas as “regras de confinamento” já impostas, nomeadamente o encerramento do comércio não essencial, as regras impostas ao funcionamento dos restaurantes e a proibição de circulação entre concelhos ao fim de semana.

“Não há nenhum alívio de medidas e há todas as razões para que todos levem muito a sério as medidas que estão em vigor e as cumpram criteriosamente todos os dias, mesmo sabendo que todos estamos muito cansados destas restrições e sabemos como elas implicam com a vida de todos nós”, acrescentou Mariana Vieira da Silva.

O Conselho de Ministros aprovou hoje o decreto o que regulamenta a prorrogação do estado de emergência decretado pelo Presidente da República devido à pandemia de covid-19.

O novo estado de emergência estará em vigor entre as 00h00 de domingo e as 23h59 do de 14 de fevereiro.

Com Lusa

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Portugal regista três vítimas mortais do novo coronavírus, segundo o boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS), que dá conta de 785 casos confirmados.