Pedrógão Grande

Embaixada de Portugal no Luxemburgo abre livro de condolências em homenagem às vítimas

Foto: Guy Jallay

A Embaixada de Portugal no Luxemburgo abriu hoje um livro de condolências, na sequência do luto nacional decretado no domingo em homenagem às vítimas dos incêndios de Pedrógão Grande.

O livro pode ser assinado na Embaixada até à próxima quarta-feira, dia 21, entre as 9h e as 13h e as 14h e as 17h, informou hoje o embaixador de Portugal no Luxemburgo, Carlos Pereira Marques.

O Presidente da República promulgou no domingo o decreto do Governo que declara luto nacional durante três dias, pelas vítimas dos incêndios no distrito de Leiria.

O fogo, que deflagrou às 13h43 de sábado, em Escalos Fundeiros, concelho de Pedrógão Grande, alastrou depois aos concelhos vizinhos de Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pera, no distrito de Leiria, e entrou também no distrito de Castelo Branco, pelo concelho da Sertã. O último balanço dá conta de 62 mortos civis e 62 feridos, dois deles em estado grave.