Escolha as suas informações

Parlamento com sessão solene em honra do Grão-Duque Jean
Luxemburgo 03.05.2019 Do nosso arquivo online

Parlamento com sessão solene em honra do Grão-Duque Jean

Parlamento com sessão solene em honra do Grão-Duque Jean

Foto: Chris Karaba / Luxemburger Wort
Luxemburgo 03.05.2019 Do nosso arquivo online

Parlamento com sessão solene em honra do Grão-Duque Jean

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Na véspera das cerimónias fúnebres do Grão-Duque Jean, a Câmara dos Deputados presta uma última homenagem ao antigo chefe de Estado.

A sessão solene tem início marcado para as 14:30 e conta com a presença do Grão-Duque herdeiro Guillaume.

O presidente da Câmara dos Deputados, Fernand Etgen, e o primeiro-ministro, Xavier Bettel, vão discursar durante a sessão solene. Note-se que os 60 deputados e os 17 membros do Governo já tinham observado um minuto de silêncio em memória do Grão-Duque Jean a 24 de abril.

Jean do Luxemburgo governou de 1964 a 2000, altura em que abdicou a favor do seu filho Henri, atual chefe de Estado.

Jean casou a 9 de abril de 1953 com a Princesa Joséphine-Charlotte da Bélgica, que viria a falecer em 2005. Tem cinco filhos: o Grão-Duque Henri, os príncipes Jean e Guillaume e as princesas Marie-Astrid e Margaretha.

O funeral do Grão-Duque Jean ocorre amanhã, às 11:00, na Catedral Notre-Dame, na cidade do Luxemburgo.

A Rádio Latina vai acompanhar as cerimónias fúnebres de Jean do Luxemburgo, com uma emissão especial, a partir das 10:00.


Notícias relacionadas

Grão-Duque Jean foi o bisavô “mais amado do mundo”
Gabriel e Noah, filhos de Tessy Antony, ex-mulher do príncipe Louis do Luxemburgo, estão inconsoláveis com a partida do bisavô. Aos 98 anos, o Grão-Duque Jean do Luxemburgo faleceu no hospital, mas para a princesa e seus filhos vai continuar nos seus corações, como ela frisou.
Monarquia: Grão-Duque Jean celebra 97 anos
O Grão-Duque Jean completa esta sexta-feira 97 anos. Jean tornou-se Grão-Duque a 12 de Novembro de 1964 e foi chefe de Estado do Luxemburgo até 7 de Outubro de 2000, quando passou o cargo ao seu filho primogénito, Henri.
Grand-Duc Jean com o seu filho Henri.