Escolha as suas informações

Onde fazer e quanto custam os testes para viajar para Portugal
Luxemburgo 3 min. 06.12.2021
Viagens

Onde fazer e quanto custam os testes para viajar para Portugal

Viagens

Onde fazer e quanto custam os testes para viajar para Portugal

Foto:Gerry Huberty
Luxemburgo 3 min. 06.12.2021
Viagens

Onde fazer e quanto custam os testes para viajar para Portugal

Catarina OSÓRIO
Catarina OSÓRIO
Numa altura em que muitos portugueses viajam para Portugal para celebrar a época natalícia veja os sítios onde poderá realizar os testes no Grão-Ducado. E quanto custam.

Desde 1 de dezembro até 9 de janeiro os cidadãos com mais de 12 anos que viagem para Portugal estão obrigados a apresentar um teste negativo à covid-19, mesmo quem estiver vacinado. Exceção apenas para os recuperados da doença há menos de seis meses.

Os testes aceites pelas autoridades portuguesas são os PCR ou de antigénio certificados, realizados nas últimas 72 ou 48 horas, respetivamente, antes da viagem. A medida é válida para quem viaja de avião, carro ou barco. Assim, numa altura em que muitos portugueses residentes no Luxemburgo viajam para Portugal para celebrar a época natalícia veja os sítios onde poderá realizar os testes PCR e/ou de antigénio no Luxemburgo:

Testes PCR

Os testes PCR podem ser feitos nos laboratórios Bionext, Ketterthill, Réunis, com ou sem receita médica. O centro de testes no aeroporto do Findel também realiza este teste. O LNS também faz estes testes, mas apenas com receita médica. 

Sem receita médica, o preços podem variar entre os 59,99 euros e os 169 euros (no caso de um teste PCR com resultado em 12 horas feito no Findel). 

Os laboratórios Reúnis também realizam um teste PCR com resultado no prazo de quatro horas por 99 euros. Também o Bionext faz o mesmo teste, com o resultado no espaço de uma hora, pelo mesmo preço. 

Em todos os casos, é aconselhada a marcação prévia nos sites de cada laboratório ou por telefone.

No caso das pessoas que tenham recebido a primeira dose da vacina contra a covid-19 até 10 de novembro, poderão ainda utilizar o voucher para um teste PCR enviado pelas autoridades de saúde. 


Desde hoje e até 9 de janeiro, passa a ser obrigatória a apresentação de teste negativo para entrar no país.
Portugal entrou em estado de calamidade. O que muda a partir de 1 de dezembro
O Governo decidiu apertar as medidas sanitárias nas viagens internacionais e no acesso da atividades de lazer, eventos e turismo. Saiba o que passa a estar em vigor.

Testes de antigénio (TAR)

As autoridades portuguesas também aceitam testes antigénio devidamente certificados. E, no geral, estes são mais baratos do que os PCR. No Grão-Ducado estes testes podem ser feitos nos laboratórios Bionext, no centro de testes no aeroporto do Findel, e também em várias farmácias no país (lista abaixo). Poderá ainda fazer estes testes num centro de testes rápidos, incluindo o da capital. 

Em todos os casos os resultados são divulgados cerca de meia-hora após a realização do teste, e os pacientes recebem um certificado em conformidade com as regras europeias, elegível para ser mostrado no momento da viagem. 

O preço varia entre os 19 euros, no caso da Bionext, e os 49 euros no aeroporto. Para os que optam pelo teste na farmácia, este pode variar entre os 2o e os 35 euros euros sem voucher.

Se tiver um vale de desconto oferecido por algumas comunas, como é o caso da capital, o teste fica por 5 euros. Poderá também utilizar o voucher da comuna da capital no centros de testes na Cidade do Luxemburgo, agora na rue du Théâtre. (Poderá ainda consultar aqui todos os locais onde poderá utilizar o vale de desconto da comuna da capital.)

Em todos os casos recomenda-se a marcação prévia dos testes, quer nas respetivas páginas online dos laboratórios ou farmácias, ou pelo telefone. E com a maior antecedência possível.

Na lista abaixo poderá consultar as farmácias que realizam testes antigénicos em todo o Grão-Ducado:



Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas