Escolha as suas informações

OGBL pede testes antigénios rápidos para lares de idosos
Luxemburgo 02.04.2021

OGBL pede testes antigénios rápidos para lares de idosos

OGBL pede testes antigénios rápidos para lares de idosos

Foto: Lusa
Luxemburgo 02.04.2021

OGBL pede testes antigénios rápidos para lares de idosos

Henrique DE BURGO
Henrique DE BURGO
Segundo a central sindical OGBL, se os lares tivessem sido considerados prioritários na distribuição de testes antigénios rápidos “alguns dos focos de covid e mortes de idosos nas últimas semanas poderiam ter sido evitados”.

O departamento de pensionistas da central sindical OGBL pede às autoridades sanitárias para equipar os lares de idosos com testes antigénios rápidos.

Segundo o departamento da OGBL, se os lares tivessem sido considerados prioritários na distribuição de testes antigénios rápidos “alguns dos focos de covid e mortes de idosos nas últimas semanas poderiam ter sido evitados”.

Desde o início da pandemia já morreram pelo menos 328 pessoas nos lares de idosos do Luxemburgo, ou seja, pouco menos de metade dos atuais 749 mortos no país. Os casos mais recentes foram nove vítimas mortais num lar de Kayl e outras 22 noutro lar, em Niederkorn.

O departamento de pensionistas questiona a estratégia de segurança e proteção dos idosos e exige o uso sistemático dos testes rápidos para lutar contra a atual "situação dramática" nos lares. A OGBL pede ainda que todos os funcionários dos lares sejam vacinados.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.