Escolha as suas informações

Número de requerentes de asilo no Luxemburgo continua baixo
Luxemburgo 12.06.2020

Número de requerentes de asilo no Luxemburgo continua baixo

Número de requerentes de asilo no Luxemburgo continua baixo

Foto: Pixabay
Luxemburgo 12.06.2020

Número de requerentes de asilo no Luxemburgo continua baixo

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Síria, com 85 pedidos, foi o país de origem de grande parte dos requerentes desde o início do ano.

O número de requerentes de asilo no Luxemburgo aumentou ligeiramente em maio em comparação com o mês anterior, segundo os dados da Direção da Imigração, divulgados esta sexta-feira.

Em maio, 15 refugiados solicitaram asilo, mais cinco pedidos em comparação com abril, em que se registaram dez pedidos. Neste mesmo mês, 19 pessoas receberam o estatuto de refugiado. Já nos primeiros meses deste ano, o número de pedidos de asilo foi de 401, bem inferior ao número de 2019, em que havia 939 pedidos de asilo.

A crise sanitária da covid-19 que fechou muitas fronteiras e limitou as viagens é certamente uma das razões que justifica a queda nos pedidos de asilo.

Síria, com 85 pedidos, foi o país de origem de grande parte dos requerentes desde o início deste ano. Houve também registo de 60 pedidos por parte de pessoas oriundas da Eritreia. A Venezuela, com 37 pedidos, completa o pódio dos países de origem com maior número de pedidos de proteção internacional ao Luxemburgo.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas