Escolha as suas informações

Novas medidas. Restaurantes abertos até às 22h00 a partir de domingo
Luxemburgo 6 3 min. 15.05.2021

Novas medidas. Restaurantes abertos até às 22h00 a partir de domingo

Novas medidas. Restaurantes abertos até às 22h00 a partir de domingo

Lex Kleren
Luxemburgo 6 3 min. 15.05.2021

Novas medidas. Restaurantes abertos até às 22h00 a partir de domingo

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
Já pode andar na rua até à meia-noite e em casa pode passar a receber até quatro visitas. Saiba tudo o que vai mudar já amanhã com a entrada em vigor da nova alteração à lei covid.

O Parlamento aprovou sexta-feira à tarde a nova versão da lei covid-19 que permite um relaxamento das medidas de prevenção à pandemia.

Assim, a partir de dia 16 de maio, domingo o recolher obrigatório continua, mas só entra em vigor a partir das 24h00 (e não das 23h00, como até agora) até às 06h00 da manhã. O que significa que com o bom tempo a chegar e até 21 de junho os residentes do Grão-Ducado poderão passear na rua até à meia-noite.

As coimas por violação do recolher obrigatório irão permanecer para além deste horário.


Caos instalado no regresso aos restaurantes
A bem da recuperação económica de cafés, restaurantes e hotéis, esperemos que o Governo clarifique e altere a regra de teste negativo obrigatório para quem quer entrar nos estabelecimentos.

Em casa:

Quanto às visitas em casa também há novidades. A partir de domingo as famílias podem passar a receber em casa quatro pessoas de lares diferentes, mais duas do que até hoje.

Na restauração:

Após a abertura das esplanadas, os restaurantes, cafés e bares podem também abrir as salas interiores aos clientes e servir refeições ou bebidas.

A partir de dia 16 de maio estes espaços passam a poder estar abertos até às 22 horas.

Contudo, o acesso aos espaços interiores do setor da Horeca só é permitido a quem possuir um teste negativo à covid-19.


Entre 30 a 35 euros. Testes rápidos nas farmácias a partir de 17 de maio
Algumas farmácias já fazem, no entanto, os testes a partir desta quarta-feira, 12 de maio.

Existem três testes de rastreio possíveis: a apresentação do resultado de um teste PCR com menos de 72 horas, um teste antigénico rápido realizado por profissionais de saúde com menos de 24 horas ou a realização de um autoteste rápido no local.

“A certificação dos testes antigénicos rápidos deve ser feita por profissionais de saúde (por exemplo, farmacêuticos, enfermeiros, médicos, fisioterapeutas, etc.) ou por um funcionário público ou por um funcionário designado para o efeito pelo Diretor de Saúde”, segundo especifica a notícia do site da Câmara dos Deputados do Luxemburgo.

 Já foram distribuídos 500 mil testes rápidos pelo setor da Horeca para a primeira fase desta abertura.

No exterior e interior o limite máximo das mesas é de quatro pessoas.

No terraço tem de ter três lados abertos. Segundo a nova lei, se um terraço estiver aberto apenas em dois lados, aplicar-se-ão as disposições que regem a restauração interior.

Novas regras para encontros ao ar livre:

A partir de domingo as reuniões ou encontros ao ar livre passam a poder juntar um máximo de 150 pessoas, contra as 100 atuais.

Excecionalmente, podem realizar-se eventos com um máximo de 1.000 pessoas se tiverem um protocolo de saúde aprovado pelo Departamento de Saúde.

Desporto e música: para atividades interiores e exteriores devem ser respeitadas as regras de distância de dois metros entre cada pessoa, a partir de cinco pessoas.

As atividades musicais podem ser realizadas até um máximo de 40 pessoas ao ar livre, desde que se mantenha sempre uma distância de dois metros entre cada pessoa.

Alterações à ajuda para empresários:

Às empresas que foram sujeitas a uma obrigação legal de encerramento e que beneficiam de um regime especial, por só realizarem vendas por entrega e takeaway e serem elegíveis para ajuda no valor de 100% dos custos não cobertos, vai ser estendido este regime especial durante o mês de maio de 2021.


Cidade do Luxemburgo em negociações para abertura de um centro de testes rápidos à covid-19
Para dar apoio aos cerca de 300 restaurantes que estão espalhados no território da capital, a autarquia da cidade do Luxemburgo pretende abrir um centro onde se pode fazer testes rápidos à covid-19. Algo de inédito no país.

Estão igualmente previstas alterações para as empresas que, embora não fechadas, sofreram uma perda de volume de negócios de 75% ou mais como resultado de restrições legais a reuniões públicas e privadas impostas como parte da luta contra a pandemia. A alteração destina-se a permitir ao Estado contribuir para os custos dos comerciantes do recinto da feira durante os meses de fevereiro e março de 2021.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas