Escolha as suas informações

Negociações para o novo governo entram na reta final
Luxemburgo 12.11.2018 Do nosso arquivo online

Negociações para o novo governo entram na reta final

Negociações para o novo governo entram na reta final

Foto: Guy Jallay
Luxemburgo 12.11.2018 Do nosso arquivo online

Negociações para o novo governo entram na reta final

Para quarta-feira, dia 14 de novembro, está então agendada uma nova ronda negocial com os líderes de cada partido para avaliar o trabalho que tem sido feito no seio dos diferentes grupos. Entretanto, numa declaração à RTL, o vice-primeiro-ministro e ministro da Economia ainda em funções, Étienne Schneider, sublinhou que esse trabalho deverá ficar concluído esta semana.

Cerca de um mês após as eleições legislativas, os representantes dos três partidos que vão dar continuidade ao Governo de coligação preparam-se para prosseguir as negociações sobre o acordo governamental.

Dirigentes do DP, LSAP e Déi Gréng voltam a reunir-se esta semana, pela quarta vez, desde o escrutínio de 14 de outubro.

Desde então, foram formados 11 grupos de trabalho distintos, com representantes dos três partidos, para chegar a um consenso quanto ao programa governamental. No entanto, para já, pouco ou nada se sabe sobre o conteúdo das reuniões.

Para quarta-feira, dia 14 de novembro, está então agendada uma nova ronda negocial com os líderes de cada partido para avaliar o trabalho que tem sido feito no seio dos diferentes grupos. Entretanto, numa declaração à RTL, o vice-primeiro-ministro e ministro da Economia ainda em funções, Étienne Schneider, sublinhou que esse trabalho deverá ficar concluído esta semana.

Tudo aponta para que o Déi Gréng passe a ter um papel de maior relevo no futuro Executivo, depois de ter sido o partido que mais cresceu nas eleições de 14 de outubro.

A continuidade de uma coligação entre liberais, socialistas e ecologistas ficou clara na noite eleitoral, com os três a recolherem 31 assentos parlamentares, os suficientes para continuarem a governar o país.

Dois dias após as eleições, Xavier Bettel foi indigitado primeiro-ministro.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Esta é a quarta ronda negocial entre liberais, socialistas e ecologistas com vista à elaboração de um programa governamental para os próximos cinco anos. Daquilo que se sabe, as negociações poderão estar a entrar na reta final. Aliás, para já, não há outras reuniões agendadas.
O Partido Cristão-Social (“Chrëschtlech Sozial Vollekspartei, CSV”) já apresentou a lista dos quatro candidatos às eleições primárias do partido, que se realizam no próximo mês de Outubro, já a pensar nas Legislativas de 2018.
Noch vor der Sommerpause will sich die CSV auf einen möglichen Spitzenkandidaten verständigen.