Escolha as suas informações

"Não menti", garante Xavier Bettel
Luxemburgo 19.11.2021
Alegado plágio

"Não menti", garante Xavier Bettel

Alegado plágio

"Não menti", garante Xavier Bettel

Foto: Guy Jallay
Luxemburgo 19.11.2021
Alegado plágio

"Não menti", garante Xavier Bettel

Madalena QUEIRÓS
Madalena QUEIRÓS
"O professor disse que não era um muito bom trabalho", assumiu o primeiro-ministro luxemburguês sobre a tese que apresentou há 22 anos na Universidade de Nancy.

"Não fiz batota e não menti", garantiu hoje o primeiro-ministro quando questionado sobre o caso do plágio que terá feito na sua tese de licenciatura.

"Tudo está a ser feito como se eu tivesse feito batota. O próprio professor disse que não era este o caso. Na altura, entreguei-lhe este trabalho, ele aceitou-o conscientemente", explica o  chefe do executivo sobre o caso do plágio na redacção da sua tese na Universidade de Nancy. 


Universidade da Lorena abre inquérito para apurar plágio de Bettel
Primeiro-ministro terá plagiado quase na totalidade a tese que lhe permitiu terminar o mestrado em Direito e Ciências Políticas.

"O professor disse que não era um muito bom trabalho. E o júri disse que era satisfatório. Não estou orgulhoso disso. Podia ter feito melhor" mas, recorda, isso foi há 22 anos e na altura "eu era um estudante". "A investigação pessoal e intelectual não era boa, mas apresentei-a oralmente. Não fiz batota, não menti", afirma o primeiro-ministro. 

Sobre a questão do corte e da colagem, admite ter "combinado elementos diferentes da esquerda e da direita e não estou a esconder disso". "Não foi batota, seguiu-me um professor. Ele sabia o que eu estava a fazer mas, pelos padrões de hoje, não me parece correcto".


Politik, briefing Afghanistan, Bausch, Asselborn, X.Bettel war nicht dabei, Foto geknipst briefing Hochwasser Foto: Luxemburger Wort/Anouk Antony
Bettel terá de esperar até ao fim do ano para saber conclusões sobre plágio na tese
A Universidade da Lorena indica que entregará as suas conclusões "um pouco antes ou depois das férias do fim do ano".

Xavier Bettel concluiu a resposta: "Penso que neste momento sou um primeiro-ministro que está a fazer o seu trabalho corretamente".

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas