Escolha as suas informações

Mortalidade no Luxemburgo desceu no 1° trimestre de 2020, apesar da covid-19
Luxemburgo 2 min. 06.05.2020

Mortalidade no Luxemburgo desceu no 1° trimestre de 2020, apesar da covid-19

Mortalidade no Luxemburgo desceu no 1° trimestre de 2020, apesar da covid-19

Foto: AFP
Luxemburgo 2 min. 06.05.2020

Mortalidade no Luxemburgo desceu no 1° trimestre de 2020, apesar da covid-19

Madalena QUEIRÓS
Madalena QUEIRÓS
Nos três primeiros meses do ano registaram-se 1129 mortes no Luxemburgo, de acordo com os indicadores do organismo de estatísticas do país.

Nos três primeiros meses do ano registaram-se 1129 mortes no Luxemburgo, de acordo com os indicadores revelados pelo organismo de estatísticas do país (STATEC). Um valor inferior ao registado no mesmo período em 2019 (116o mortes) e em 2018 (1272). 

Apesar da ligeira subida dos óbitos, na segunda quinzena de março, provocada pela covid-19, o número médio desceu no 1° trimestre, face aos números dos dois anos anteriores.

Durante a primeira quinzena do mês de março, os 189 óbitos registados correspondem a uma diminuição de 16,7% em relação em 2018 e um aumento de 6,2% face ao mesmo período do ano passado. 

 Mas na segunda quinzena de março, "quando se registaram os primeiros casos de mortes provocadas pelo coronavírus", verificou-se  um aumento da mortalidade causada pela crise sanitária da covid-19 (23 vítimas mortais devido ao coronavírus). De 16 a 31 de março ocorreram 227 mortes, contra a média de 197 registadas em média em 2018 e 2019, o que representa nesta período um crescimento de 15,3%. O número de vítimas mortais da covid-19, em abril, foi de 67.  O que revela que a subida da mortalidade vai perdurar durante o mês de abril.

No primeiro trimestre deste ano, o número médio de mortes diárias é de 12,4 revela o relatório do STATEC. A 13 de março, data da primeira vítima mortal da covid-19, o número médio de mortes foi de 14.

Maior mortalidade entre os homens

Cerca de 85,8% das vítimas mortais tinham mais de 65 anos. Uma percentagem que se mantém igual à registada nos dois anos anteriores. Mas se olharmos apenas para a percentagem do número de vítimas mulheres subiu ligeiramente. Assim, as mulheres idosas representam 93,6% das vítimas em 2020, quando era de apenas 88,7% em 2019 e de 90,6% em 2018.

A idade média das vítimas mortais é de 81,9 anos para as mulheres e de 75,4  para os homens, no primeiro trimestre de 2020. Idade média que se mantém igual à dos dois anos anteriores.

A idade média das vítimas do coronavírus é de 83 anos.










Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Luxemburgo. Covid-19 aumenta mortes em 21%, um recorde desde 1975
O número de mortes no Luxemburgo aumentou 21,4% num ano, atingindo um recorde de óbitos em abril que não se verificava desde 1975. Segundo dados divulgados hoje pelo gabinete luxemburguês de estatísticas, Statec, este aumento deve-se às mortes associadas à covid-19.
Portugal registou mais 1.255 óbitos do que o expectável entre março e abril
Portugal registou, entre 16 de março e 14 de abril, um “excesso de mortalidade” que atingiu de “forma desproporcionada” pessoas com mais de 75 anos, tendo-se registado 1.255 óbitos acima do expectável. Parte dos óbitos por covid-19 terão passado sem diagnóstico por falta de diagnóstico laboratorial, dizem especialistas.