Escolha as suas informações

Luxemburgo. Suspeita estar infetado(a) com a covid-19? Saiba como funcionam os novos centros
Luxemburgo 2 min. 26.03.2020

Luxemburgo. Suspeita estar infetado(a) com a covid-19? Saiba como funcionam os novos centros

Um dos centro de cuidados avançados, na LuxExpo, em Kirchberg.

Luxemburgo. Suspeita estar infetado(a) com a covid-19? Saiba como funcionam os novos centros

Um dos centro de cuidados avançados, na LuxExpo, em Kirchberg.
Foto: Guy Jallay
Luxemburgo 2 min. 26.03.2020

Luxemburgo. Suspeita estar infetado(a) com a covid-19? Saiba como funcionam os novos centros

Catarina OSÓRIO
Catarina OSÓRIO
Só na cidade do Luxemburgo, o novo centro de cuidados avançados tem capacidade para atender 1500 doentes por dia.

O governo luxemburguês revelou hoje em pormenor como vão funcionar os quatro centros de cuidados avançados (CSA, na sigla francesa) criados no país para dar resposta aos doentes infetados com o coronavírus covid-19. 

As novas estruturas situam-se na LuxExpo (cidade do Luxemburgo, Kirchberg), na sala de espetáculos Rockhal (Esch-sur-Alzette/Belval), na Däichhal (Ettelbruck) e no centro cultural de Grevenmacher. A unidade de Grevenmacher funcionará a partir de 27 de março.

As unidades estarão abertas todos os dias, incluindo fins de semana, entre as 8:00 e as 20:00. A capacidade de tratamento na cidade do Luxemburgo é de 1.500 pacientes por dia. Há 25 profissionais presentes de forma contínua, acrescenta o documento divulgado pelo executivo grão-ducal esta tarde. 

O Centro de Cuidados Avançados de Ettelbruck, junto à sala de espetáculos da comuna.
O Centro de Cuidados Avançados de Ettelbruck, junto à sala de espetáculos da comuna.
Foto: Nico Muller

Segundo o executivo, o objetivo destas unidades é o de assegurar uma resposta mais eficiente aos casos infetados ou suspeitos de covid-19. As novas unidades operam através de dois canais de consulta estritamente separados - o primeiro é concebido para receber pacientes com sinais de infecção pelo vírus covid-19; o segundo permite aos pacientes que se apresentam no centro sem sinais de infeção pela covid-19.

A fim de reduzir ao mínimo os tempos de espera, cada canal prevê a gestão de vários pacientes ao mesmo tempo. Um só centro, pode permitir até oito consultas em paralelo. 


Covid-19. No Luxemburgo é possível fazer o teste sem sair do carro
O Luxemburgo tem três centros de "drive-in" onde é possível fazer o teste de despistagem da Covid-19. Sem sair do carro.

Evacuações médicas previstas para casos urgentes 

A fim evitar o contacto entre pacientes que apresentam sintomas do novo coronavírus e outros pacientes, o processo de triagem prevê salas separadas. No balcão da receção, os pacientes podem registar os dados sendo depois recebidos por uma enfermeira que faz a primeira análise, sendo depois o paciente visto por um médico. Nos casos em que se suspeita de infeção pela covid-19, é realizado um teste no local. Se o teste for positivo, os doentes são redirecionados de acordo com estado de saúde: podem ser enviados para casa onde terão de ficar em auto-isolamento; ou são transferidos para o hospital de ambulância, se o estado de saúde assim o exigir.

As consultas nos quatro CSAs são gratuitas.  Os pacientes terão apenas de trazer o seu cartão CNS e um documento de identidade. O Luxemburgo participa atualmente num estudo europeu para perceber quais os melhores medicamentos para tratar a doença provocada pelo Covid-19


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas