Escolha as suas informações

Luxemburgo. Residente com mais de 70 anos morre após ser vacinado contra a covid-19
Luxemburgo 14.04.2021

Luxemburgo. Residente com mais de 70 anos morre após ser vacinado contra a covid-19

Luxemburgo. Residente com mais de 70 anos morre após ser vacinado contra a covid-19

Foto: AFP
Luxemburgo 14.04.2021

Luxemburgo. Residente com mais de 70 anos morre após ser vacinado contra a covid-19

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Ministério Público e autoridades sanitárias estão a investigar o caso.

Um residente com mais de 70 anos morreu duas semanas após ter sido vacinado contra a covid-19 no Grão-Ducado. A informação foi avançada esta manhã pelo Diretor da Saúde, Jean-Claude Schmit, à RTL. O sexo da vítima e a marca da vacina não foram revelados.

De acordo com o Diretor da Saúde, a ligação entre o óbito e a toma da vacina não está confirmada e as autoridades sanitárias estão a investigar o caso em parceria com os homólogos franceses do centro regional de supervisão do medicamento da Lorena, em Nancy. 


Alguns países ponderam conceder privilégios a viajantes que já foram vacinados contra a covid-19.
Governo não descarta privilégios para vacinados contra a covid-19
O Executivo luxemburguês não confirma nem desmente, mas deixa a porta bem aberta a um tratamento especial para as pessoas já vacinadas contra a covid-19.

Também o Ministério Público abriu uma outra investigação ao caso, tendo ordenado a realização de uma autópsia. Caso a suspeita se confirme, este será o primeiro óbito registado no Luxemburgo com ligação à administração de uma vacina contra a covid-19.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas