Escolha as suas informações

Luxemburgo prepara presidência da UE com Portugal
Luxemburgo 05.05.2015 Do nosso arquivo online

Luxemburgo prepara presidência da UE com Portugal

Jean Asselborn e Bruno Maçães estiveram ontem reunidos no Grão-Ducado para preparar a presidência luxemburguesa da União Europeia

Luxemburgo prepara presidência da UE com Portugal

Jean Asselborn e Bruno Maçães estiveram ontem reunidos no Grão-Ducado para preparar a presidência luxemburguesa da União Europeia
Foto: Anouk Antony
Luxemburgo 05.05.2015 Do nosso arquivo online

Luxemburgo prepara presidência da UE com Portugal

A emigração e a presidência luxemburguesa da União Europeia foram os pratos fortes da reunião que juntou esta manhã o secretário de Estado dos Assuntos Europeus de Portugal, Bruno Maçães, e Jean Asselborn, ministro dos Negócios Estrangeiros do Luxemburgo.

A emigração e a presidência luxemburguesa da União Europeia foram os pratos fortes da reunião que juntou esta manhã o secretário de Estado dos Assuntos Europeus de Portugal, Bruno Maçães, e Jean Asselborn, ministro dos Negócios Estrangeiros do Luxemburgo.

Os dois governantes aproveitaram o encontro para fazerem o balanço dos actuais problemas da Europa e alinhavarem os preparativos para a Presidência luxemburguesa do Conselho da União Europeia (UE), que inicia o seu mandato no segundo semestre deste ano.

A imigração para a Europa foi um dos temas abordados entre os dois governantes. Na conferência de imprensa dos dois governantes, Bruno Maçães lembrou que a emigração “é uma questão fulcral para a UE” e que o assunto “vai marcar a Presidência luxemburguesa do Conselho da UE”.

O secretário de Estado português afirmou ainda que “as instituições europeias têm como missão proteger as fronteiras, e refletir sobre o futuro das mesmas, a fim de encontrar soluções e um consenso entre os países”.

Quando confrontado com a questão do desemprego em Portugal e com a crescente emigração da comunidade lusa para outros países da UE, nomeadamente o Luxemburgo, Bruno Maçães sublinhou que 2014 “foi um ano difícil para Portugal no que toca ao desemprego”, mas garante que “o Governo português tem feito tudo para inverter a situação e preservar a estabilidade social do país”.

O secretário de Estado português enalteceu o Luxemburgo pela “clara abertura que o país manifesta ao receber os imigrantes e pelos valores pelos quais se rege esta sociedade cosmopolita e aberta”.

Nesta visita relâmpago ao Luxemburgo, o secretário de Estado português manteve ainda um encontro com Claude Wiseler, presidente do grupo parlamentar do CSV, visitou o campus universitário da Universidade do Luxemburgo e participou esta noite numa recepção na Embaixada de Portugal, em honra de Cristina Branco. A fadista sobe ao palco da Philhamonie na próxima sexta-feira.

Andreia Oliveira/DM


Notícias relacionadas

Portugal e Luxemburgo querem reforçar relações culturais
O secretário de Estado da Cultura de Portugal, Jorge Barreto Xavier, está desde ontem no Luxemburgo, a convite da ministra de Cultura do Grão-Ducado, Maggy Nagel. Barreto Xavier veio participar numa conferência sobre a importância da cultura nas relações externas da UE. A conferência decorre quinta e sexta-feira no Centro Cultural Trifolion, em Echternach.
Piquenique europeu enche ruas da capital
A autarquia do Luxemburgo organizou uma mega piquenique para marcar o início da presidência luxemburguesa da UE. As ruas do centro da capital encheram-se de pessoas.
Antiga secretária de Estado das Comunidades: “Governo tem de reconstituir uma máquina de apoio aos portugueses no estrangeiro”
“O Governo português deve reconstituir a Secretaria de Estado da Emigração” para dar resposta aos problemas dos emigrantes, como os novos casos de exploração de portugueses na construção. A antiga secretária de Estado da Emigração e das Comunidades, Manuela Aguiar, esteve no Luxemburgo e defende que o Governo deve ter uma política virada para os portugueses que emigram, mas também para os que regressam.
Manuela Aguiar