Escolha as suas informações

Luxemburgo. Polícias vão usar câmaras vídeo nas fardas em breve
Luxemburgo 22.05.2022
Projeto de lei

Luxemburgo. Polícias vão usar câmaras vídeo nas fardas em breve

A mini câmara tem de estar bem visível e emitir aviso sonoro sempre que o polícia inicia gravações.
Projeto de lei

Luxemburgo. Polícias vão usar câmaras vídeo nas fardas em breve

A mini câmara tem de estar bem visível e emitir aviso sonoro sempre que o polícia inicia gravações.
Foto: dpa
Luxemburgo 22.05.2022
Projeto de lei

Luxemburgo. Polícias vão usar câmaras vídeo nas fardas em breve

Redação
Redação
Cada agente policial do país vai estar equipado com uma bodycam que permite filmar e gravar situações anormais, avança o Luxemburger Wort. O uso será obrigatório.

Antes das férias de verão, o projeto de lei sobre a utilização de câmaras vídeo pessoais (bodycam) pela Polícia do Luxemburgo deverá estar concluído, noticia o Luxemburger Wort que teve acesso ao esboço deste documento.

A conclusão do projeto de lei foi confirmada pelo ministro Henri Kox esta semana e o objetivo é que cada agente policial do país passe a usar uma mini-câmara colocada na farda e bem visível, pronta a gravar todas as situações que possam resultar em incidentes. 

O uso deste novo equipamento é mesmo obrigatório por todos os agentes.

Este novo dispositivo de vigilância individual será benéfico tanto para a proteção do agente policial como para o garante de transparência do cidadão, como já declarou o diretor-geral Philippe Schrantz, em 2021, defensor deste equipamento. Mais. As bodycam visam também desencorajar ações ou atos violentos ou incorretos, quer seja o polícia quer seja o cidadão.


Governo reforça lei para controlar violência nas manifestações
Depois da violência de algumas manifestações contra as medidas sanitárias, as autoridades querem estar mais bem preparadas.

Este pequeno equipamento terá de estar perfeitamente visível e todas os momentos de gravação serão sinalizados por um aviso sonoro e uma luz a piscar, refere o projeto de lei como indica o Luxemburger Wort. Ou seja, as câmaras não vão estar a filmar em permanência. Estarão em standby e sempre que necessário o polícia pode ligar a gravação da câmara e interromper. As gravações são guardadas e cada agente tem de justificar por escrito aos superiores.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.