Escolha as suas informações

Luxemburgo. Pais e alunos surpreendidos com fecho das escolas
Luxemburgo 2 min. 05.02.2021 Do nosso arquivo online

Luxemburgo. Pais e alunos surpreendidos com fecho das escolas

Luxemburgo. Pais e alunos surpreendidos com fecho das escolas

Photo : dpa
Luxemburgo 2 min. 05.02.2021 Do nosso arquivo online

Luxemburgo. Pais e alunos surpreendidos com fecho das escolas

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
“Penso que os estudantes não estão felizes e muitos pais também não estão felizes”, com a decisão, diz o presidente da RNP que dentro de dias se reúne com o ministro da Educação.

O anúncio do novo encerramento das escolas no Luxemburgo a partir do dia 8 de fevereiro surpreendeu os pais dos alunos que não estavam à espera de tal decisão. Quem o diz é Alain Massen presidente da Representação Nacional de Pais (RNP) no Luxemburgo.

“Penso que os estudantes não estão felizes e muitos pais também não estão felizes”, declara ao Contacto este responsável.

A própria RNP não contava com esta decisão do Ministro da Educação, Claude Meisch.

“A Representação Nacional dos Pais está também muito surpreendida com esta decisão. Fui informado pelo próprio ministro durante o dia” de ontem, declarou Alain Massen anunciando que “dentro de alguns dias” a RNP irá reunir-se com o Ministro da Educação para discutir o assunto.

“É bastante surpreendente que o ministro, que sempre quis manter as escolas abertas, esteja agora a tomar a iniciativa de as fechar”, considera o presidente da RNP.


Luxemburgo volta a encerrar escolas a partir da próxima semana
Todas as escolas fundamentais (pré-escolar e primária) vão encerrar a partir da próxima segunda-feira, dia 8 de fevereiro.

Para Alain Massen é necessário analisar todos os fatores para “descobrir se as infeções recentes nas escolas justificam de facto este novo encerramento”. E se a decisão está relacionada com a preocupação pela propagação da nova variante inglesa ou “se existem outras razões”.

Em casa até 21 fevereiro

Claude Meisch anunciou o fecho das escolas e o regresso ao ensino à distância durante as férias de Carnaval, até dia 21 de fevereiro, na conferência de imprensa de quinta-feira à tarde justificando a decisão com o aumento de casos de infeção em ambiente escolar da última semana e a prevenção da propagação da variante inglesa do novo coronavírus que foi a causa de infeção em algumas escolas.

“Constatámos hoje [ontem] que os números de infeções tiveram um forte aumento sobretudo entre os 0-19 anos”, declarou o ministro na conferência.

Os casos positivos para a covid-19 aumentaram na última semana entre 20% a 35% além de terem sido detetados “vários focos de infeção em diferentes escolas o que significa que “o vírus está a circular mais rapidamente do que antes”, precisou o ministro da Educação.


Covid-19. Escolas registaram 301 infeções na semana passada
Houve um aumento de 132 casos em relação à semana anterior. Quase 300 turmas foram afetadas. Números que confirmam os receios do ministro da Educação e que motivaram o novo fecho das escolas.

Grande aumento de infeções

No balanço semanal da covid-19 nas escolas entre os dias 25 e 31 de janeiro registaram-se 301 casos de infeção nas escolas fundamentais e secundárias do país, públicas e privadas, e nos centros de referência.

Destas 301 novas infeções, 261 ocorreram em alunos e 40 em professores e outros funcionários das escolas.

Nas próximas semanas as autoridades irão analisar a situação escolar para se decidir se as escolas voltam a abrir após 21 de fevereiro ou continuarão fechadas.

Durante os dias de aulas em casa, através do ensino à distância as matérias escolares serão adaptadas à situação, vincou o ministro.

A exceção vai apenas para os alunos do ‘première année’ que continuam a ir à escola para ter aulas para não colocarem em causa os seus exames de final de ano, explicou Claude Meisch. Contudo, a estes estudantes será enviado convite para realizarem os testes de rastreio antes do regresso à escola.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas