Escolha as suas informações

Luxemburgo. Já há comunas a oferecer testes rápidos e gratuitos para ir ao restaurante
Luxemburgo 2 min. 16.05.2021

Luxemburgo. Já há comunas a oferecer testes rápidos e gratuitos para ir ao restaurante

Luxemburgo. Já há comunas a oferecer testes rápidos e gratuitos para ir ao restaurante

Luxemburgo 2 min. 16.05.2021

Luxemburgo. Já há comunas a oferecer testes rápidos e gratuitos para ir ao restaurante

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
Nas comunas de Mamer e de Rosport-Mompach os residentes podem realizar um autoteste rápido e certificado e grátis até às 12h00 que será válido por 24 horas. Para poderem frequentar a restauração. O de Rosport também vai estar aberto durante a semana.

Neste domingo, os residentes no Luxemburgo podem voltar às salas dos seus restaurantes, bares e cafés preferidos. Contudo, têm de apresentar um testes de rastreio à covid-19 negativo. Ou um teste PCR realizado até 72 horas antes, ou um teste rápido válido por 24 horas antes, certificado por um profissional de saúde certificado, pode ser feito numa farmácia, ou realizar um autoteste no local.

Para agilizar o processo as comunas do país podem abrir centros de realização destes autotestes rápidos, certificados e gratuitos para os seus residentes, cujos resultados serão válidos por 24 horas. O objetivo principal é o acesso ao interior do setor Horeca, como frisam estas comunas nas mensagens nas redes sociais, citadas pela RTL. 

A comuna de Mamer e de Rosport-Mompach já abriram esta manhã dois locais e estão a oferecer a realização destes testes rápidos certificados apenas aos seus residentes. O grande objetivo para já é que eles possam assim ir ainda hoje aos restaurantes, cafés ou bares do setor da Horeca que reabrem a partir de hoje os seus espaços interiores. Mas primeiro é preciso inscreverem-se nos respetivos sites.

Na comuna de Mamer, os autotestes podem ser realizados até às 12h00 de hoje, na Escola Fundamental do Campus de Kinneksbond, 42, route d’Arlon, L-8210, Mamer, onde profissionais qualificados os certificam. As inscrições para os testes são feitas neste site. (clique aqui).

Na comuna Rosport-Mompach não tem de relizar inscrição prévia, dado não existir essa indicação na mensagem de informação. Até ao 12h00 de hoje, os testes são feitos na maison comunale, 9, Rue Henri Tudor, L-6582 Rosport. Terá de levar consigo o seu documento de identificação. 


Novas medidas. Restaurantes abertos até às 22h00 a partir de domingo
Já pode andar na rua até à meia-noite e em casa pode passar a receber até quatro visitas. Saiba tudo o que vai mudar já amanhã com a entrada em vigor da nova alteração à lei covid.

A partir de dia 17 de maio, segunda-feira, os testes continuam a ser realizados durante o horário de expediente normal, das 8h00 às 17h00 Mas primeiro também terá de se inscrever para ir realizar o teste. A comuna pede aos residentes para primeiro os contactarem para através deste endereço do site. Clique aqui.

Ambas as comunas referem que os testes destinam-se apenas aos seus residentes. Na sexta-feira o primeiro-ministro Xavier Bettel já tinha anunciado que as comunas poderiam abrir centros de testes rápidos certificados e válidos por 24 horas para os seus munícipes.

A cidade do Luxemburgo também já anunciou está a planear a instalação de um destes centros de testagem rápida, gratuita e certificada com validade para 24 horas. 


Testes rápidos instalam a confusão nos cafés, restaurantes e hotéis
A falta de clareza do Governo sobre a realização obrigatória dos testes rápidos anti-covid para entrar no interior dos restaurantes está a gerar o caos em véspera da abertura das salas, a 16 de maio. E quando acabarem os testes oferecidos ao setor, quem os vai pagar?, questionam ao Contacto proprietários e políticos.

Os testes PCR custam mais de 100 euros, com validade para 72 horas, os testes rápidos, nas farmácias entre 30 a 35 euros, com validade para 24 horas. Por agora foram distribuidos 500 mil autotestes pelo setor da Horeca para serem cedidos gratuitamente aos clientes e ainda para os trabalhadores realizarem o seus testes.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

A falta de clareza do Governo sobre a realização obrigatória dos testes rápidos anti-covid para entrar no interior dos restaurantes está a gerar o caos em véspera da abertura das salas, a 16 de maio. E quando acabarem os testes oferecidos ao setor, quem os vai pagar?, questionam ao Contacto proprietários e políticos.