Escolha as suas informações

Luxemburgo está preparado para responder ao surto coronavírus?
Luxemburgo 23.01.2020 Do nosso arquivo online

Luxemburgo está preparado para responder ao surto coronavírus?

Luxemburgo está preparado para responder ao surto coronavírus?

Foto de arquivo: AFP
Luxemburgo 23.01.2020 Do nosso arquivo online

Luxemburgo está preparado para responder ao surto coronavírus?

Henrique DE BURGO
Henrique DE BURGO
O novo surto já causou 17 mortes e infetou mais de meio milhar de pessoas.

As autoridades luxemburguesas ainda não emitiram qualquer comunicado oficial ou recomendações aos viajantes sobre o novo surto coronavírus.

Até ao momento o surto viral causou 17 mortes e mais de 500 pessoas infetadas na China e noutros países asiáticos.

A Rádio Latina contactou o Ministério da Saúde para saber que medidas estão previstas para responder ao surto de coronavírus. "O ministério vai fazer um comunicado logo que receber as conclusões da Organização Mundial de Saúde (OMS)", respondeu a assessora de imprensa Monique Putz.

Entretanto, foi apresentada uma questão parlamentar sobre esta matéria, pelo deputado Jean-Marie Halsdorf, do CSV. No documento dirigido ao ministro da Saúde, Etienne Schneider, o deputado cristão-social quer saber como é que o governo avalia a situação, se tem algum plano de emergência e que plano, e por fim, como é que o governo pretende impedir que turistas chineses introduzam o coronavírus no Luxemburgo.


O que é o novo vírus detetado na China?
Saiba tudo sobre o coronavírus. O que é, como surgiu, como se transmite e quais são os riscos e sintomas.

O Centro Europeu de Controlo de Doenças afirmou recentemente que está confirmada a transmissão pessoa a pessoa.   

O surto desta nova pneumonia tem origem na cidade chinesa de Wuhan, mas entretanto já se alastrou a outros países, através de viajantes chineses, todos oriundos da cidade de Wuhan.

Para já, há casos confirmados na Coreia do Sul, Japão, Tailândia, Taiwan, EUA e Macau.

Foto: AFP

As autoridades de Macau cancelaram esta quinta-feira as celebrações do Ano Novo Lunar para evitar a transmissão do coronavírus.



Notícias relacionadas