Escolha as suas informações

Luxemburgo. Desemprego aumentou 19,5% num ano
Luxemburgo 20.11.2020

Luxemburgo. Desemprego aumentou 19,5% num ano

Luxemburgo. Desemprego aumentou 19,5% num ano

Photo: Chris Karaba
Luxemburgo 20.11.2020

Luxemburgo. Desemprego aumentou 19,5% num ano

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
Após um súbito aumento do desemprego em março e abril e um declínio a partir do mês de maio, a situação mantém-se estável, por enquanto.

Se olharmos para a evolução ao longo de todo o ano, o número de candidatos a emprego aumentou 19,5%, com mais 2.935 pessoas inscritas. Após um súbito aumento do desemprego em março e abril e um declínio a partir do mês de maio, a situação mantém-se estável, por enquanto. 


Saiba o que vai mudar no desemprego parcial em 2021
Há regras diferentes para o 1° e 2° trimestre do próximo ano.

Este aumento do desemprego, ao longo do ano, é explicado principalmente por uma diminuição de ocupapação de vagas, e não por um aumento do número de inscritos. De facto, ao longo dos últimos meses, os registos de candidatos a emprego residentes diminuíram 4% em comparação com o mesmo período do ano passado. 

O número de desempregados residentes à procura de emprego, que recebem o subsídio de desemprego aumentou 1.991, ou seja 26,2%, durante o último ano.   

Durante o mês de outubro de 2020, os empregadores comunicaram 2.968 vagas de emprego à ADEM, o que corresponde a a uma diminuição de 8,5% em relação a outubro de 2019. 

 No final de outubro, o número de candidatos a emprego residentes disponíveis registados na ADEM era de 17.971. Em comparação com o mês anterior, é um aumento ligeiro, de 0,5% (96 pessoas). Em setembro, o emprego no Luxemburgo tinha retomado o seu nível pré-crise.   



Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas