Escolha as suas informações

Luxemburgo aumenta ajuda financeira a Cabo Verde
Luxemburgo 28.12.2016 Do nosso arquivo online

Luxemburgo aumenta ajuda financeira a Cabo Verde

Angèle da Cruz foi recebida no passado mês de Setembro audiência pelo Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Santos

Luxemburgo aumenta ajuda financeira a Cabo Verde

Angèle da Cruz foi recebida no passado mês de Setembro audiência pelo Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Santos
Foto: Inforpress
Luxemburgo 28.12.2016 Do nosso arquivo online

Luxemburgo aumenta ajuda financeira a Cabo Verde

O Luxemburgo vai aumentar de 49 milhões para 52 milhões de euros a sua ajuda a Cabo Verde nos próximos cinco anos, para além dos dez milhões de euros para o Grupo de Apoio Orçamental, de acordo com a Radiotelevisão Caboverdiana (RTC).

O Luxemburgo vai aumentar de 49 milhões para 52 milhões de euros a sua ajuda a Cabo Verde nos próximos cinco anos, para além dos dez milhões de euros para o Grupo de Apoio Orçamental, de acordo com a Radiotelevisão Caboverdiana (RTC).

Segundo a RTC, os valores foram anunciados terça-feira pela encarregada de negócios do Luxemburgo em Cabo Verde, Angèle Da Cruz, durante uma visita de cortesia ao ministro das Finanças de Cabo Verde, Olavo Correia.

Angèle Cruz anunciou ainda que o Grão Ducado vai desbloquear a segunda tranche do Apoio Orçamental referente ao ano de 2016, no valor de 1 milhão de euros.

“O Luxemburgo faz parte do Grupo de Apoio Orçamental a Cabo Verde e no ano passado assinámos um novo acordo onde é previsto um apoio de 10 milhões de euros no período 2016/2020”, destacou Angèle Da Cruz, citada pelo jornal Expresso das Ilhas.

A decisão de pagar a segunda tranche foi anunciada pelo governo do Luxemburgo após este ter avaliado “positivamente” a aplicação do financiamento feito ao arquipélago, nomeadamente no sector de ensino técnico profissional.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Luxemburgo lidera donativos a Cabo Verde em 2020
Além dos donativos previstos para 2020, Luxemburgo e Cabo Verde deverão assinar o quinto Programa Indicativo de Cooperação, orçado em 60 milhões de euros, durante a visita de Estado do Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, ao Grão-Ducado, marcada entre os dias 31 de março e 2 de abril.