Escolha as suas informações

"L'Orange Week". Luxemburgo sai à rua contra a violência de género
Luxemburgo 20.11.2019 Do nosso arquivo online

"L'Orange Week". Luxemburgo sai à rua contra a violência de género

"L'Orange Week". Luxemburgo sai à rua contra a violência de género

Capucine Chandon
Luxemburgo 20.11.2019 Do nosso arquivo online

"L'Orange Week". Luxemburgo sai à rua contra a violência de género

Teresa CAMARÃO
Teresa CAMARÃO
No sábado há marcha solidária. Os edifícios municipais vão vestir-se de laranja, toda a semana, para denunciar a violência contra as mulheres.

A chamada "L'Orange Week", em português "Semana Laranja", arrancou esta terça-feira dia 19 e só termina a 10 de dezembro, no Luxemburgo. 

Um dos pontos altos acontece já no próximo sábado. Mulheres e homens são chamados a participar na Marcha Sábado Solidário, contra a violência doméstica, que parte do Le Glacis às 11h e, este ano, deverá contar com a presença da Grã-duquesa Maria Teresa. 

As iniciativas não ficam por aqui. Logo na segunda-feira, dia 25 de novembro, o Conselho Nacional das Mulheres do Luxemburgo (CNFL) convida os residentes da capital a formar um cordão humano em frente à Câmara Municipal na Place Guillame II. Os participantes devem usar uma peça de vestuário ou um acessório laranja, a partir do 12h. 

Os edifícios municipais também aderem. Entre 25 e 30 de novembro, a Câmara Municipal, a Villa Vauban, o Grande Teatro e o château d’eau de Gasperich vestem-se de laranja para assinalar a semana de luta, a cor escolhida para simbolizar o otimisto e a energia. 

No encerramento da "L'Orange Week", a Cinemateca vai exibir o documentário #FemalePleasure às 20h30. Segue-se um debate. A realizadora Barbara Miller participa à distância, através do Skype.