Escolha as suas informações

Hotel Simoncini evacuado devido a alerta de bomba
Luxemburgo 15 1 21.11.2015 Do nosso arquivo online
Na capital

Hotel Simoncini evacuado devido a alerta de bomba

Luxemburgo 15 1 21.11.2015 Do nosso arquivo online
Na capital

Hotel Simoncini evacuado devido a alerta de bomba

O hotel Simoncini, na capital, foi evacuado este sábado. Um pacote suspeito esteve na origem de mais um alerta de bomba no Luxemburgo. Uma brigada de minas e armadilhas da polícia esteve no local e um indivíduo terá sido detido.

O hotel Simoncini, na capital, foi evacuado este sábado. Um pacote suspeito esteve na origem de mais um alerta de bomba no Luxemburgo. Uma brigada de minas e armadilhas da polícia esteve no local e um indivíduo terá sido detido.

O alerta foi dado às 15h30 deste sábado no hotel Simoncini, que faz esquina com a Rue Notre-Dame e a rue Chimay. Os clientes e os funcionários do hotel abandonaram de imediato o edifício.

Às 16h25 chega ao local a brigada de minas e armadilhas, e como medida de precaução, a rue Notre-Dame e o acesso ao Parking Knuedler foram fechados à circulação. Parte da rue Chimay, que liga o boulevard Roosevelt e a rue Notre-Dame esteve fechada aos peões.

A operação de desminagem terminou às 18h20, altura em que o perímetro de segurança foi reduzido.

Depois da operação a polícia não quis prestar quaisquer declarações até ao momento. Sabe-se apenas que foi aberto um inquérito e que, segundo uma testemunha no local, um indivíduo terá sido detido.

Na quinta-feira o edifício da Comuna de Esch-sur-Alzette foi também evacuado, durante duas horas, por causa de um falso alerta de bomba. Também no mesmo dia, o Tribunal de Justiça da UE e o edifício Jean Monnet, em Kirchberg, na capital, foram também evacuados por ameaça de bomba.



Notícias relacionadas

É o quarto falso alerta de bomba no espaço de um mês no Luxemburgo. Esta manhã, o centro comercial City Concorde, em Bertrange, foi evacuado devido a uma ameaça de bomba. A lei luxemburguesa prevê multas e penas de prisão para quem lançar um falso alerta.
Gegen 9.30 Uhr wurde das Einkaufszentrum von der Polizei hermetisch abgeriegelt.
Uma mulher com distúrbios psíquicos esteve na origem do alerta de bomba este sábado no hotel Simoncini, na capital. O comportamento da mulher levou os funcionários do hotel a pensar que se tratava de uma kamikaze.
O edifício da Comuna de Esch/Alzette foi esta tarde evacuado, durante duas horas, por causa de um falso alerta de bomba. Na capital, em Kircheberg, o Tribunal de Justiça da UE e o edificio Jean Monnet foram também evacuados esta tarde por ameaça de bomba.