Escolha as suas informações

Hospitais do Luxemburgo estão longe da saturação
Luxemburgo 20.09.2021
Covid-19

Hospitais do Luxemburgo estão longe da saturação

Covid-19

Hospitais do Luxemburgo estão longe da saturação

Foto: Victoria Jones/dpa
Luxemburgo 20.09.2021
Covid-19

Hospitais do Luxemburgo estão longe da saturação

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Os hospitais do Luxemburgo estão longe de atingir a capacidade máxima nos internamentos, assegura o Presidente da Federação dos Hospitais, Philippe Turk.

Em comparação com os números do ano passado um quarto das camas dos cuidados intensivos está ocupada. O dado foi apresentado pelo Presidente da Federação dos Hospitais, Philippe Turk, à RTL, que acrescenta que há um ano atrás a situação era dramática nos hospitais. Uma realidade diferente da atual.

Atualmente o Grão-Ducado tem cerca de 10 pessoas nas unidades dos cuidados intensivos, o que permite gerir a situação nos hospitais da melhor forma sem prejudicar os tratamentos de outros pacientes não-covid, mas Turk é cauteloso quanto aos próximos tempos. O médico considera mesmo que a situação pode inverter-se rapidamente devido às novas variantes que podem aparecer no país.


Petição contra vacinação obrigatória atingiu 5.000 assinaturas em apenas dois dias
Texto precisava de 4.500 assinaturas para ser discutido no Parlamento.

Questionado sobre a obrigatoriedade ou não da vacina para os profissionais de saúde, o Presidente da Federação dos Hospitais refere que se trata de uma questão política que tem de ser tomada pelas autoridades competentes. 

Mas indicia que a obrigatoriedade não é a ser ver o caminho certo. Em vez de obrigar os profissionais da saúde à vacinação, seria melhor convencê-los que realmente as vacinas são a melhor solução para conter esta epidemia, rematou.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas