Escolha as suas informações

Há pelo menos 9 alunos e 2 professores infetados nas secundárias do Luxemburgo
Luxemburgo 29.06.2020

Há pelo menos 9 alunos e 2 professores infetados nas secundárias do Luxemburgo

Há pelo menos 9 alunos e 2 professores infetados nas secundárias do Luxemburgo

Luxemburgo 29.06.2020

Há pelo menos 9 alunos e 2 professores infetados nas secundárias do Luxemburgo

Ministro da Educação recusa voltar a encerrar escolas por causa da pandemia.

Desde o reinício das atividades no ensino secundário no Grão-Ducado a 4 de maio, "onze pessoas - nove estudantes e dois professores deram positivo no teste da covid-19", confirmou o ministro da Educação na Câmara dos Deputados. Em resposta a uma pergunta parlamentar da bancada do CSV, Claude Meisch admitiu que o caso mais recente "ocorreu numa escola secundária da capital", ainda que não tenha avançado nem nome do estabelecimento de ensino nem a data em que ocorreu. 

Neste caso específico, três alunos da mesma turma foram diagnosticados com a infeção provocada pelo novo coronavírus, sem que "seja possível concluir que há um surto" dentro da classe ou da escola em questão. "A escola não é uma fonte de contágio na nossa sociedade", afiançou o governante que apesar do surgimento destes onze casos recusa voltar a encerrar as escolas por causa da pandemia. 

"A pessoa que dá positivo é isolada pela Direcção de Saúde, que depois efectua um rastreio de contacto", explicou o ministro. "As pessoas que tiveram contacto próximo" com o paciente "são colocadas em quarentena, isoladas durante uma semana e testados no Covid-19 após o quinto dia. Se os resultados forem negativos, podem voltar à escola no final do sétimo dia. Se o resultado for positivo, a medida de isolamento continua". 


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas