Escolha as suas informações

Grão-Duque Jean faria hoje 100 anos
Luxemburgo 16 05.01.2021

Grão-Duque Jean faria hoje 100 anos

Grão-Duque Jean faria hoje 100 anos

Luxemburgo 16 05.01.2021

Grão-Duque Jean faria hoje 100 anos

Susy MARTINS
Susy MARTINS
O centenário do Grão-Duque Jean é hoje lembrado pelas mais altas personalidades do Luxemburgo. Para marcar a data, o primeiro-ministro, Xavier Bettel, anunciou, em comunicado, que um monumento em homenagem ao antigo soberano será erguido no parque Pescatore, na cidade do Luxemburgo.

O local foi escolhido pelo Governo, reunido esta manhã em Conselho de Ministros, em concertação com o Grão-Duque Henri, filho de Jean do Luxemburgo, a comuna da capital, o Ministério da Cultura e a Administração dos Edifícios Públicos.

Um concurso público para a realização do monumento em memória do Grão-Duque Jean será lançado no primeiro semestre deste ano.

O monumento será então instalado no parque Pescatore e terá como pano de fundo o museu ao qual o antigo chefe de Estado dá nome: o Museu de Arte Moderna Grão-Duque Jean (MUDAM), em Kirchberg.

O centenário do seu nascimento é, claro, também lembrado pelo chefe de Estado. O Grão-Duque Henri utilizou as redes sociais para prestar homenagem ao pai, escrevendo que “toda a família e população vai hoje pensar com emoção naquele que faleceu há quase dois anos”.

Jean do Luxemburgo nasceu no dia 5 de janeiro de 1921. Era neto de Maria Ana de Bragança, filha do rei português D. Miguel. Morreu no dia no dia 23 de abril de 2019, aos 98 anos, vítima de uma pneumonia. Nessa altura, o Governo decretou 12 dias de luto nacional.

Jean foi o oitavo Grão-Duque do Luxemburgo e esteve no poder durante 36 anos (entre 1964 e 2000). No ano 2000 abdicou a favor do filho Henri, atual Grão-Duque.  

Com Manuela Pereira. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Monarquia: Grão-Duque Jean celebra 97 anos
O Grão-Duque Jean completa esta sexta-feira 97 anos. Jean tornou-se Grão-Duque a 12 de Novembro de 1964 e foi chefe de Estado do Luxemburgo até 7 de Outubro de 2000, quando passou o cargo ao seu filho primogénito, Henri.
Grand-Duc Jean com o seu filho Henri.