Escolha as suas informações

Governo não pretende atualmente atribuir um bónus aos profissionais de saúde
Luxemburgo 29.06.2020

Governo não pretende atualmente atribuir um bónus aos profissionais de saúde

Governo não pretende atualmente atribuir um bónus aos profissionais de saúde

Foto: DR
Luxemburgo 29.06.2020

Governo não pretende atualmente atribuir um bónus aos profissionais de saúde

Susy MARTINS
Susy MARTINS
A iniciativa tinha sido lançada por José Castro, que defendeu a atribuição de “um bónus extraordinário a todo o pessoal dos hospitais, clínicas, centros de saúde e lares de idosos pelo seu empenho excecional neste período de crise”

“Atualmente não está previsto atribuir um bónus aos profissionais de saúde”. Foi esta a principal conclusão do debate público que ocorreu esta manhã no Parlamento relativo à petição pública.

A iniciativa tinha sido lançada por José Castro, que defende a atribuição de “um bónus extraordinário a todo o pessoal dos hospitais, clínicas, centros de saúde e lares de idosos pelo seu empenho excecional neste período de crise”. A petição pública sobre o assunto recolheu cerca de 4.600 assinaturas.

O autor do documento reivindicava assim que estes trabalhadores sejam recompensados, já que, “ao contrário da maioria da população, continuam a sair para ir trabalhar todos os dias para tratar [doentes] e salvar vidas devido à pandemia de covid-19”.

A ministra da Saúde, Paulette Lenert e os deputados membros da comissão parlamentar da Saúde saudaram a iniciativa de José Castro, mas apontaram alguns problemas práticos. Um dos problemas seria o financiamento desse bónus, ou ainda quem é que iria ter direito.

Segundo a ministra da Saúde o setor tem desafios bem mais importantes que um bónus único, como por exemplo, as condições de trabalho, as infraestruturas, uma valorização geral das profissões ligadas à saúde ou ainda as formações.

No outono está previsto um encontro com os representantes do setor em que vão ser abordados estes problemas e desafios. Nessa altura também se poderá abordar, segundo a ministra, a questão do bónus.Paulette Lenert acrescenta ainda, que a crise sanitária ainda não acabou, e que ainda não chegou o momento de fazer o balanço.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas