Escolha as suas informações

Governo do Grão-Ducado tem de tomar medidas
Luxemburgo 17.07.2019

Governo do Grão-Ducado tem de tomar medidas

Governo do Grão-Ducado tem de tomar medidas

Foto: NRA
Luxemburgo 17.07.2019

Governo do Grão-Ducado tem de tomar medidas

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
Para o Luxemburgo se preparar melhor para o que aí vem Ivonne Trebs frisa que “é aconselhável intensificar as pesquisas, como a elaboração de projeções climáticas de alta resolução baseadas em novos cenários de emissões”

 Questionada sobre que planos poderia o governo do Luxemburgo começar a tomar para prevenir as consequências das alterações do clima, no futuro, a investigadora Ivonne Trebs, investigadora e responsável pelo Observatório do Clima e do Ambiente do Instituto de Ciência e Tecnologia, do Luxemburgo. sublinhou a necessidade de se atuar a vários níveis. Ao nível das populações é “importante a adoção de medidas que sensibilizem para a consciencialização da necessidade de “economia de energia” e, medidas que facilitem “a expansão de sistemas de energia solar”.

“Os cenários de alterações climáticas devem também estar previstos na elaboração de sistemas de água da chuva, de esgotos e de água potável”, vincou esta responsável.

Na agricultura, as “pragas nativas e novas podem ser combatidas evitando as monoculturas”. Para o Luxemburgo se preparar melhor para o que aí vem Ivonne Trebs frisa que “é aconselhável intensificar as pesquisas, como a elaboração de projeções climáticas de alta resolução baseadas em novos cenários de emissões”.


Notícias relacionadas

Greenpeace: #singforclimate no Luxemburgo
Este domingo, realiza-se na Abadia de Neimënster, a partir das 12h, a iniciativa a nível global “Sing for climate”, um evento aberto ao público e que tem como objetivo acordar consciências para a necessidade de passar à ação nas questões de proteção ambiental.