Escolha as suas informações

Europeias. Fomos ouvir as duas eurodeputadas lusófonas eleitas no Luxemburgo
Luxemburgo 27.05.2019 Do nosso arquivo online

Europeias. Fomos ouvir as duas eurodeputadas lusófonas eleitas no Luxemburgo

Monica Semedo

Europeias. Fomos ouvir as duas eurodeputadas lusófonas eleitas no Luxemburgo

Monica Semedo
Foto: Lex Kleren/Luxemburger Wort
Luxemburgo 27.05.2019 Do nosso arquivo online

Europeias. Fomos ouvir as duas eurodeputadas lusófonas eleitas no Luxemburgo

Manuela PEREIRA
Manuela PEREIRA
Monica Semedo (DP) e Isabel Wiseler-Lima (CSV). São duas mulheres empenhadas em dois partidos opostos, um liberal, outro conservador, que hoje são notícia, não só por terem sido eleitas para o Parlamento Europeu (PE) mas também porque são as primeiras lusófonas a representar o Grão-Ducado em Bruxelas.

Monica Semedo, de 34 anos, disputou a sua segunda eleição pelo Partido Democrático (DP) e, ao contrário do que aconteceu nas legislativas de 2018, a ex-apresentadora de televisão, foi agora eleita. Monica tornou-se assim a primeira figura política de origem cabo-verdiana a representar o Luxemburgo em Bruxelas. Esta tarde em declarações à Rádio Latina, a nova eurodeputada defendeu que a sua eleição confirma que o Grão-Ducado é uma terra de oportunidades para quem se empenha.  


 Já Isabel Wiseler-Lima foi eleita na sua segunda candidatura às eleições europeias pelo Partido Cristão Social (CSV).  

Isabel Wiseler-Lima.
Isabel Wiseler-Lima.
Foto: Anouk Antony/Luxemburger Wort

 Aos 58 anos, a também professora de origem portuguesa espera que a sua eleição seja uma alavanca para puxar mais pela participação cívica da comunidade.   



Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

A primeira mini vedeta da televisão do Luxemburgo abandona uma carreira de 22 anos na televisão para se candidatar nas listas do DP. Conheça a vida de Monica Semedo.
Um excelente resultado para o CSV e para vários candidatos portugueses, numa eleição onde os partidos da coligação e em especial o LSAP são os grandes derrotados.