Escolha as suas informações

Estado Islâmico: Daesh pode estar a utilizar satélites luxemburgueses
Luxemburgo 05.12.2015 Do nosso arquivo online

Estado Islâmico: Daesh pode estar a utilizar satélites luxemburgueses

Estado Islâmico: Daesh pode estar a utilizar satélites luxemburgueses

Foto: Christophe Karaba
Luxemburgo 05.12.2015 Do nosso arquivo online

Estado Islâmico: Daesh pode estar a utilizar satélites luxemburgueses

O Estado Islâmico (Daesh) está a utilizar satélites da empresa luxemburguesa SES para comunicar e difundir a sua propaganda na internet, segundo a revista alemã Der Spiegel.

O Estado Islâmico (Daesh) está a utilizar satélites da empresa luxemburguesa SES para comunicar e difundir a sua propaganda na internet, segundo a revista alemã Der Spiegel.

A revista alemã diz que os piratas informáticos do Daesh utilizam as redes de satélites e telecomunições de empresas como a Eutelsat, em França, a Avanti Communications, no Reino Unido, e a SES, no Grão-Ducado.

A revista explica que há milhares de membros do Daesh na Síria equipados com sistemas informáticos ultra-modernos, linhas telefónicas com modems criptados, parabólicas de emissão e recepção sofisticadas, que utilizam as nossas redes das maiores empresas de telecomunicações europeias para difundir as suas mensagens de ódio na web.

Der Speigel acusa SES de conivência com Daesh

"Nós vendemos os nossos serviços a revendedores e não ao Daesh, não temos controlo sobre quem são os clientes finais", disse um porta-voz da SES ao Der Spiegel.

A empresa luxemburguesa acrescenta ainda não ter informações sobre quem utiliza os seus satélites na região do Iraque e da Síria controlada pelo Estado Islâmico.

Der Spigel contradiz, no entanto, a SES e supeita a empresa luxemburguesa de ter forma de aceder aos dados GPS exactos dos utilizadores e que poderia, assim, teoricamente, pôr fim às conexões dos terroristas.



Notícias relacionadas