Escolha as suas informações

Empregadas de limpeza que trabalhem para particulares sem direito a desemprego parcial
Luxemburgo 27.03.2020 Do nosso arquivo online

Empregadas de limpeza que trabalhem para particulares sem direito a desemprego parcial

Empregadas de limpeza que trabalhem para particulares sem direito a desemprego parcial

Foto: DR
Luxemburgo 27.03.2020 Do nosso arquivo online

Empregadas de limpeza que trabalhem para particulares sem direito a desemprego parcial

Redação
Redação
Governo adianta que está a trabalhar para encontrar uma solução o mais rapidamente possível para estes casos.

As empregadas da limpeza a trabalhar para particulares, assim como os trabalhadores por conta própria. não terão direito a recorrer ao desemprego parcial.

O ministro do Trabalho reconheceu a limitação desta situação, esta tarde, em conferência de imprensa, e garantiu, no caso das empregadas de limpeza, que o governo a trabalhar para encontrar uma solução o mais rapidamente possível.  

Para já, as medidas aprovadas garantem que os trabalhadores que ganhem o salário mínimo nacional receberão a 100% em vez dos 80% previstos pelo desemprego parcial, sendo que, como refere, o comunicado do governo, resultante das negociações entre o Ministério do Trabalho e os parceiros sociais, "a diferença entre o montante do desemprego parcial e o salário social mínimo não qualificado será paga pelo Fundo de Emprego".



Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas